Currículo e cartas de apresentação

Carta de Apresentação: uma ferramenta subestimada que pode lhe ajudar a conseguir seu próximo emprego

A carta de apresentação é uma breve descrição que alguns profissionais fazem de si mesmo ao se candidatar a uma vaga de emprego. Essa carta é muitas vezes subestimada e até ignorada por alguns profissionais, que normalmente não se atentam à importância que ela pode ter para avançar no processo seletivo de emprego.

Ela é normalmente anexada ao currículo, que por sua vez é feito e revisado com grande grau de atenção. O currículo é uma declaração que requer discrição e objetividade, sem espaço para apresentações, opiniões e demais formalidades. Já a carta de apresentação, apesar de também requerer objetividade, é um espaço no qual você pode apresentar suas ideias, objetivos, características, motivo para ser contratado e outras informações que não caberiam em um currículo.

Uma carta de apresentação bem elaborada e redigida pode chamar a atenção do recrutador e assim conseguir mais entrevistas do que se você utilizasse um modelo simples e genérico.

Abordaremos neste artigo os pontos mais importantes que você deve saber e levar em consideração para fazer uma carta de apresentação, aumentando suas chances de sucesso em um processo seletivo de emprego.

Como fazer a carta de apresentação

Primeiramente, o fator mais importante para se levar em consideração ao enviar uma carta de apresentação é a sua personalização de acordo com a vaga para a qual você está se candidatando. O envio de uma carta genérica ou padrão será percebido pelo recrutador, o que não te distinguirá dos demais candidatos e pode diminuir drasticamente suas chances de ser selecionado.

Confira a seguir como fazer uma boa carta de apresentação:

Introdução

Comece sua carta de apresentação se direcionando à pessoa ou setor específico que foi informado na postagem da vaga. Se sua carta for física, insira os dados referentes ao endereço, nome e setor para onde a carta será enviada. Para carta de apresentação online, o endereço pode ser deixado de lado.

Procure utilizar termos como “prezado(a)”, “estimado(a)” antes do nome ou cargo do recrutador para saudá-lo. Se você souber o nome do recrutador, não deixe de mencioná-lo: é um pequeno detalhe que pode ser muito útil. Demonstrar conhecimento e interesse é sempre muito bem visto pelas empresas.

Você pode iniciar o texto com uma breve apresentação e resumo de seu histórico profissional, mencionar como e porque chegou até a vaga em questão, e seu objetivo acerca da vaga pretendida.

Experiência, Características e Habilidades

Reserve um ou dois parágrafos para mencionar experiências relevantes para o cargo em questão e como suas características e habilidades podem também contribuir para a função desejada.

Caso não tenha experiência, não se preocupe. Nesse momento, você pode dar maior ênfase na descrição de suas habilidades e características. Vale também ser sincero quanto à falta de experiência, mas não se esqueça de mencionar que se interessa pelo assunto e demonstre algum tipo de conhecimento. A demonstração de tal nível de interesse pode ser um ponto em seu favor.

Conclusão

No último parágrafo da carta de apresentação, reforce o motivo pelo qual você quer trabalhar na empresa, deixe claro o porquê você deveria ser contratado e coloque-se à disposição para contato e eventuais novas etapas do processo de seleção. Não se esqueça de agradecer ao recrutador pela atenção com uma saudação e finalize sua carta com seu nome, telefone e e-mail para contato.

Candidate-se facilmente com um Currículo Indeed

O tamanho ideal de uma carta de apresentação

Cartas de apresentação para empresas não devem ser maiores do que uma página. O ideal é que tenha de três a cinco parágrafos. Alongar-se além do necessário pode diminuir o interesse do recrutador, assim como ser excessivamente sucinto diminuirá as chances de que sua carta se destaque perante os outros candidatos. Portanto, após redigir sua carta de apresentação, enfatize os pontos principais que tenham a ver com a vaga em questão, minimize questões menos relevantes e, após finalizar, revise o texto.

Após compor sua carta de apresentação, releia-a e procure pensar pelo ponto de vista da pessoa que está conduzindo o processo seletivo e precisa contratar um profissional. Identifique se sua carta parece relevante para o que está descrito na vaga em questão.

Porque fazer uma carta de apresentação

A carta de apresentação nem sempre é solicitada pelas empresas, e talvez seja nesses casos que ela pode fazer ainda mais diferença. A maioria das pessoas que vai concorrer à vaga em questão enviará apenas o currículo e as outras informações solicitadas. Ao enviar uma carta de apresentação, você estará dentro de um pequeno grupo que também teve essa iniciativa em relação aos demais candidatos.

Assim, sua carta de apresentação para a empresa não servirá apenas como uma forma de para chamar a atenção dos recrutadores, mas como uma oportunidade de fornecer mais informações suas a eles, o que pode fazer com que você se destaque no processo seletivo.

Histórias e cases de sucesso

Se você tem experiência ou algum case de sucesso relacionado à vaga desejada, não deixe de mencioná-lo, explicando brevemente como você lidou ou solucionou a situação.

As empresas contratam para suprir necessidades, seja por expansão, falta de mão de obra qualificada, ou substituição de outro profissional. Mas, qualquer seja o motivo, a maioria dos recrutadores procura por soluções imediatas. Portanto, demonstrar que você já lidou e correspondeu bem a desafios comuns da vaga em questão poderá aumentar suas chances de conseguir uma entrevista.

Outras dicas importantes

Separamos algumas dicas pontuais para te ajudar a elaborar uma carta de apresentação ainda melhor.

  • Indicação. Caso você tenha recebido alguma indicação, não pense duas vezes em mencioná-la. Quanto mais informações o recrutador tiver, melhor. Ter a indicação certa pode te levar adiante no processo seletivo.
  • Instigue o recrutador. Apesar do incentivo que fizemos logo acima sobre contar histórias e cases de sucesso, não exponha todos os detalhes em sua carta de apresentação. Há dois motivos para isso: manter a carta de apresentação resumida e gerar expectativa e curiosidade no recrutador para entender como você lidou com a situação apresentada.
  • Cuidado com os erros de português. Atente-se também aos erros de português, gramática e vocabulário utilizado. Isso também será avaliado.
  • Na dúvida, opte pelo básico. Com exceção de cargos que requerem criatividade, dê preferência a um modelo de design básico, utilizando fontes como “Arial” e “Times New Roman”, na cor preta.

Exemplos de cartas de apresentação

Finalizamos este artigo colocando em prática o conteúdo que explicamos acima.

Veja a seguir dois exemplos de como fazer uma carta de apresentação para uma vaga de emprego, sendo que no primeiro temos um profissional que já está inserido no mercado de trabalho e almeja um cargo maior, e, no segundo, um profissional sem experiência prévia que busca sua primeira oportunidade.

Exemplo de carta de apresentação de profissional com experiência

“Caro Recrutador,

A descrição da vaga para analista de contas de sua empresa me chamou muito a atenção, e é com grande satisfação que gostaria de me candidatar. Meu nome é Pedro, sou recém-formado em administração de empresas e possuo 3 anos de experiência como assistente de contas na empresa Y.

Nesse período, aprendi todas as rotinas da função, tendo inclusive substituído com êxito o analista do setor em algumas oportunidades. Um dos pontos mais relevantes de minha experiência, que gostaria de ressaltar, foi auxiliar diretamente o gerente do setor na criação de um relatório com o mapeamento de todos os processos do setor, o que aumentou muito meu entendimento nessa área de atuação.

Sou um profissional que prioriza o bom trabalho em equipe, resiliente e que está acostumado com grandes demandas de trabalho, sempre atento aos procedimentos da organização e do setor para evitar erros.

Gostaria de deixar abaixo meus contatos para demais informações.

Saudações,

Pedro Silva Santos

(11) 11111-1111

pedro@email.com.br**”

Exemplo de carta de apresentação de profissional sem experiência

“Prezado Sr. Carlos,

É com grande prazer que me candidato à vaga de estagiário no setor logístico de sua empresa. Atualmente sou aluno do 5º semestre do curso de Administração de Empresas com Ênfase em Logística na Universidade X.

Não possuo experiência profissional anterior, mas não pude deixar de notar na descrição da vaga a necessidade que sua empresa tem por um profissional que fale inglês e auxilie na gestão dos transportes marítimos.

Possuo grande interesse em trabalhar nessa área específica no futuro e acompanho de perto os principais acontecimentos relacionados aos principais portos brasileiros e do mundo. Também sei da relevância de sua empresa nesse setor, e a possibilidade de poder aprender em sua organização seria uma oportunidade imperdível.

Outras qualidades que acredito que podem contribuir muito caso eu venha a trabalhar com sua empresa são minha fluência em inglês, proatividade, facilidade de lidar com pessoas e, claro, uma vontade muito grande de aprender e me desenvolver profissionalmente.

Lucas Almeida Carvalho

(22) 22222-2222

lucas@email.com.br”