Currículo e cartas de apresentação

Como montar seu primeiro currículo sem ter experiência

Uma das dúvidas de quem está iniciando sua trajetória no mercado de trabalho costuma ser o que colocar em primeiro currículo. Afinal, faltam experiências anteriores para mostrar para o recrutador. Todo profissional já passou por isso, mas com objetividade e atenção aos detalhes você ainda pode preparar um bom currículo.

Mesmo com falta de experiência, há outras formas de demonstrar que é um bom candidato. Pense em como destacar habilidades, competências, outros tipos de experiências, pontos positivos e escolaridade, por exemplo.

É possível vencer o medo de entregar o primeiro currículo, sem temores de ser descartado pelos recrutadores. Por isso, preparamos algumas dicas para ajudar você nesse processo.

Como monto meu primeiro currículo sem ter experiência?

Um currículo profissional não é uma espécie de versão adaptada de sua carteira de trabalho. Se você nunca teve um emprego formal, pode destacar outros tipos de experiências profissionais. Também pode incluir habilidades que vem desenvolvendo e que são compatíveis com os cargos que procura.

Exemplos de elementos que você pode incluir e valorizar em seu primeiro currículo:

  • Trabalhos voluntários
  • Estágios
  • Atividades extracurriculares, como prática de esporte ou participação em feiras de ciência
  • Cursos de idiomas
  • Cursos de informática
  • Trabalhos informais
  • Trabalhos de curta duração
  • Experiências no exterior

Ao descrever experiências de estágio, trabalhos informais e outras atividades profissionais do tipo, destaque as funções que exerceu. Mencione conquistas e projetos realizados no local. Mostre como essas experiências prepararam você para a continuação da carreira.

Atividades extracurriculares e cursos complementares podem ser um diferencial, mas tenha cuidado ao selecionar quais serão listados no currículo. Você não precisa citar tudo o que já fez. Escolha o que faz mais sentido conforme a sua área de interesse.

Você deve destacar habilidades específicas que condizem com a vaga à qual está se candidatando. É preciso convencer o recrutador de que você atende aos requisitos exigidos para aquela função. Antes de preparar seu currículo, leia bem os detalhes da vaga, se tiver alguma específica em vista.

Exemplos de possíveis experiências profissionais para seu currículo:

Agência de Recursos Humanos - Recepcionista (estágio)
Julho de 20XX — Março de 20XX
Recepção dos candidatos e atendimento ao público presencialmente, via telefone e por e-mail.

Pet Shop Amigo Cão – Operador de caixa (empresa familiar)
Maio de 20XX — Fevereiro de 20XX
Recebimento de pagamentos, atendimento aos clientes, agendamento de banhos e consultas, reposição de produtos no balcão de venda, atualização das redes sociais da empresa.

Confeitaria Juvenal — Aprendiz de confeiteiro (trabalho informal)
Abril de 20XX - Agosto de 20XX
Ajudante na confecção de bolos e salgados

Empresa MR - Jovem Aprendiz
Janeiro de 20XX — Dezembro de 20XX
Auxílio em rotinas administrativas da loja, atendimento ao cliente, acompanhamento de relatórios e controle de arquivos.

Se você tiver trabalhado como voluntário em algum projeto ou organização, inclua essa experiência no currículo. Muitas empresas valorizam o trabalho voluntário. Ao descrever suas atividades, aproveite para falar de suas competências. Escolha aquelas que envolvam tarefas em comum com as de onde você pretende trabalhar.

Exemplo 1
Trabalho voluntário no projeto “Amigos da educação” - entre fevereiro/2015 e agosto/2017
Atividades: aulas de reforço de Matemática.

Exemplo 2
Voluntário na ação “Combate à Fome”, de 11/2017 a 10/2018.
Atividades: distribuição de marmitas para moradores de rua.

Candidate-se facilmente com um Currículo Indeed

Montando seu currículo sem ter experiência

Comece pelos dados pessoais, mas não exagere. Pense que o currículo é seu cartão de visitas e deve conter somente informações relevantes. Os itens principais de um currículo são:

  • Nome completo
  • Idade
  • Endereço completo
  • Telefone
  • E-mail

Não coloque dados de documentos pessoais, como RG, CPF e número da carteira de trabalho. Se o recrutador precisar desses dados, ele irá solicitar.

Inclua apenas endereços de e-mail que soem profissionais. Caso o seu tenha apelidos ou nomes engraçadinhos (jujuxinha@, samukadepoa@ etc.), recomendamos que você crie uma alternativa mais discreta, como: “seunomecompleto@seuemail.com”.

E a foto? Nem sempre ela é necessária, mas algumas empresas podem solicitar. Fique atento ao anúncio da vaga e veja se essa é uma exigência. Caso seja, use uma foto com fundo branco, estilo 3x4. Nada de usar fotos de redes sociais ou recortadas. Seja formal.

Incluindo sua formação acadêmica

Ao descrever sua formação acadêmica, além de especificar o local em que você estudou, mencione outros cursos e atividades extracurriculares relevantes.

Por exemplo, se você faz algum curso de língua ou de escrita criativa, inclua-o no currículo. Diferenciais como esses complementam sua formação acadêmica. O mesmo vale para workshops, jornadas acadêmicas e palestras que tenham relação com a vaga que você almeja.

Estruture o currículo colocando primeiro a sua formação mais recente. Liste as demais em sequência. Inclua os nomes dos cursos e o período em que você os cursou. Se ainda estiver cursando, coloque a data prevista do término.

Preparamos mais alguns exemplos de como você pode destacar suas habilidades durante o ensino médio e a faculdade.

Por exemplo, se você estiver se candidatando a uma vaga para trabalhar no setor financeiro:

Escola Estadual Gomes Jardim - Porto Alegre/RS

Data de conclusão do ensino médio : dezembro de 2019

Competências relevantes: noções contábeis, matemática financeira, Excel, educação financeira.

A seguir, um exemplo de como você pode destacar sua experiência na faculdade, ao se candidatar para um vaga no setor do varejo:

Universidade da Alegria

Bacharelado em Administração - São Paulo/SP

Previsão de término: 20 de agosto de XX

Competências relevantes: Excelência no atendimento a clientes, técnicas de negociação e vendas, planejamento de vendas e matemática financeira.

Destaque: Apresentação de projeto na Mostra de Ciência de Negócios e Varejo 2018, em São Paulo.

Habilidades pessoais e habilidades profissionais

O recrutador valoriza candidatos que conseguem combinar habilidades pessoais e profissionais. São aquelas habilidades cuja importância é comum a todos os cargos, como saber trabalhar bem em equipe, ter boa comunicação verbal, proatividade, autogestão, alto nível de produtividade e engajamento com a função exercida.

Se você trabalhou como empregada doméstica e está concorrendo a uma vaga de estoquista em uma loja, você não precisa citar todas as suas funções naquele trabalho. No entanto, pode ressaltar o que for relevante para o cargo pretendido. Isso equivale a citar funções ou competências que você exerceu em seu antigo emprego e que poderão te ajudar a desempenhar bem o novo papel.

Faça um exercício: pense em suas habilidades e compare com a vaga pretendida. Quais são as competências solicitadas e quais delas você possui? Após identificá-las, coloque-as junto à função anterior.

Exemplo:

  • Fazer diversas tarefas ao mesmo tempo
  • Foco em organização e limpeza
  • Gestão do próprio tempo para finalizar todas as rotinas diárias
  • Autogestão
  • Autonomia

Casa de família - Empregada doméstica
Janeiro de 20XX - Dezembro de 20XX
Limpeza geral da casa, organização de roupas e preparo de refeições diárias. Auxílio na compra de itens de higiene para a casa. Transporte das crianças casa-escola-casa.

Esse mesmo exemplo serve para outros cargos. O importante é você conseguir fazer com que o empregador perceba seus pontos fortes e que eles façam sentido para a função pretendida.

Outro bom exemplo são as habilidades profissionais. Elas incluem, por exemplo, conhecimento específicos de softwares e rotinas de certos setores, como as áreas financeira, administrativa e de vendas:

  • Atendimento presencial ao cliente
  • Atendimento ao cliente por telefone
  • Gerenciamento de e-mails
  • Microsoft Excel
  • Domínio na execução de planilhas

Outros cursos e atividades

Você também pode incluir em seu currículo cursos técnicos e participação em eventos relevantes para a vaga, entre outras opções.

Formas de incluir cursos no currículo:

  • Curso de formação em Logística, pelo Instituto Internacional de Logística do Paraná. Curitiba (PR), 2014.
  • Curso técnico de administração, pelo SENAI. Porto Alegre, 2015.

Experiências no exterior e intercâmbios

Ao se candidatar para vagas em agências de turismo, no ramo de hotelaria ou em empresas de intercâmbio, descreva suas experiências fora do país, se tiver. Esse pode ser um diferencial importante. Não esqueça de descrever suas atividades de forma clara e organizada. As informações precisam fazer sentido para quem está lendo seu currículo.

Exemplo de como colocar experiência no exterior no currículo:

Viagens ao exterior:

Estadia de 6 meses em Londres para aprendizado da língua inglesa.

Não esqueça

Revise seu currículo antes de enviar. Confira se não há erros de ortografia ou digitação. Mantenha seu currículo sempre atualizado. Peça para alguém ler e pergunte para essa pessoa se ela ficou com alguma dúvida sobre as informações. Essa é uma boa maneira de você saber se seu currículo está bem escrito, atraente e organizado. Além disso, não deixe seu currículo muito extenso. Duas páginas A4 é o tamanho ideal.

No currículo, destaque somente o que é relevante para a vaga pretendida. Leia com atenção o anúncio da vaga, pense nas suas competências e habilidades que mais se enquadram nesse cargo.

Não exagere na descrição de seus conhecimentos para não tornar seu currículo maçante. E, principalmente, evite exagerar. Se fizer isso, podem descobrir na entrevista que você está mentindo, caso peçam, por exemplo, que você explique algum conceito de informática ou fale em outra língua. Coloque somente as qualificações que você possui.

A elaboração do currículo profissional é o início de sua trajetória no mercado de trabalho. Então, dedique-se a fazer algo bem-feito.

Ao preparar um bom currículo para uma vaga específica, você demonstrará ao recrutador que valoriza a empresa. Preste atenção aos detalhes e capriche na apresentação.