Quais são as áreas de atuação da química?

Atualizado em: 14 de fevereiro de 2023

Se você gosta de estudar a composição dos elementos e suas relações, a área química pode ser uma boa carreira para o seu perfil. As áreas de atuação da química são amplas e oferecem oportunidades em trabalhos com o meio ambiente e até em pesquisas nas indústrias tecnológicas. Como consequência, há também uma grande variedade de locais onde essas pessoas podem atuar.Neste artigo, vamos explicar quais são as atividades do ramo, as áreas e locais de atuação e o que fazer para seguir essa carreira. Confira!
Vagas relacionadas no Indeed
Tecnico Quimico vagas
Ver mais vagas no Indeed

O que fazer na área química

A pessoa que trabalha na área química é especializada nas substâncias que formam a matéria orgânica e inorgânica do planeta. Isso faz com que ela tenha uma vasta área de conhecimento e diversas possibilidades de atuação. Afinal, o estudo das matérias e da relação entre as substâncias está presente em todos os fenômenos do nosso dia a dia. Portanto, quem atua na área química pode trabalhar em diferentes mercados.Essa pessoa busca soluções que podem aprimorar produtos industrializados dos variados segmentos ou preservar o meio ambiente. É bastante requisitada em fábricas para selecionar materiais, acompanhar processos, desenvolver projetos e fazer o controle de qualidade.Uma das suas principais atividades é verificar como os compostos e as substâncias reagem em diferentes situações. Analisam aspectos como a toxicidade e a elasticidade para entender o comportamento e possíveis usos desses agentes. Para áreas de especialização, há campos de estudo específicos, sobre os quais falaremos no próximo tópico.

As áreas de atuação da química

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) considera que a química pode ser dividida em quatro ramos principais. São eles: química orgânica, química inorgânica, química analítica e físico-química. Cada uma, por sua vez, é dividida em subáreas mais específicas, que variam de acordo com o mercado de trabalho. Neste tópico, vamos falar sobre algumas das principais áreas de atuação da química.

Ambiental

A química ambiental é voltada para o estudo de todos os processos químicos que ocorrem na natureza, podendo ser eventos naturais ou provocados por ações humanas. O objetivo é entender como funcionam os mecanismos de controle das substâncias presentes no meio ambiente. Dentre as atividades, a pessoa faz vistorias, organiza medidas de conservação da natureza, desenvolve técnicas para o tratamento de resíduos e faz estudos relacionados ao ar, à água ou ao solo.

Alimentos

A indústria alimentícia contrata profissionais de química para atuar no controle de qualidade, na pesquisa e no desenvolvimento de produtos. Podem fazer pesquisas sobre a composição química dos alimentos para descobrir métodos mais eficazes e seguros para produção e armazenamento. Em resumo, essa área visa entender a composição química dos alimentos naturais e sintéticos para auxiliar nas escolhas de consumo.

Química forense

Neste campo, a pessoa pode trabalhar na área de perícia criminal e auxiliar nas investigações policiais. Uma das responsabilidades é analisar materiais biológicos e os vestígios extraídos das cenas de crimes ou de acidentes. Com isso, também podem dar parecer sobre os casos, visto que conseguem determinar a causa de certas ocorrências.

Industrial e Tecnológica

Esta é uma das áreas que mais empregam devido à necessidade de profissionais para analisarem os processos e o desenvolvimento de novos compostos. Tais profissionais ajudam as empresas a criarem produtos e tecnologias relacionados à composição, às propriedades e às transformações de substâncias.

Medicinal

Quem atua nesse campo usa seus conhecimentos associados aos de outras áreas para desenvolver ou aprimorar medicações. Algumas dessas áreas são a biologia, a biomedicina e a farmacologia. A química medicinal também é conhecida como química farmacêutica. Trata-se de um mercado novo com grandes oportunidades por conta dos avanços da indústria farmacêutica e da medicina.

Nuclear

A química nuclear, como o próprio nome sugere, trabalha em compostos usados com objetivos nucleares. Por exemplo, lida com a transformação de átomos e reações químicas que podem gerar energia. Esse processo é denominado radioatividade e utiliza o urânio como combustível principal. Ele tem diversos usos no dia a dia, como na produção de energia elétrica, na agricultura e até mesmo em fins medicinais.

Petróleo e Biocombustíveis

A indústria petroquímica também tem apresentado grande crescimento no Brasil. Quem se especializa nessa área desenvolve pesquisas na busca por fontes de energias competitivas e por soluções para preservação ambiental. A indústria petrolífera faz a exploração e a extração dos compostos fósseis, e as pessoas da área química são essenciais nessa área, pois participam de todo o processo.

Instituições de ensino

Quem tem licenciatura pode lecionar e promover atividades didáticas para todas as faixas etárias escolares. Além disso, também pode continuar na área acadêmica, fazendo pesquisas de mestrado e doutorado. Com esses títulos, também pode lecionar em universidades e orientar projetos de pesquisas dos estudantes.Leia também: Qual é o salário de químico

Como se profissionalizar

Para entrar na área química, o primeiro passo é fazer um curso superior na área. Existem duas possibilidades de graduação: o bacharelado, que oferece uma formação generalista, e a licenciatura, em que a pessoa também cursa disciplinas pedagógicas. A graduação dura em média quatro anos e exige um período de estágio e um trabalho de conclusão.Esse campo de estudo requer que a pessoa tenha um registro profissional solicitado no Conselho Regional de Química (CRQ). O órgão é uma representação local do Conselho Federal de Química (CFQ), responsável por regulamentar as atividades da área no país e por cuidar dos interesses da categoria.Profissionais também investem em cursos de pós-graduação. A formação acadêmica mais avançada aprofunda o conhecimento em áreas mais específicas, permitindo que encontrem oportunidades mais direcionadas para os campos em que querem trabalhar.Por fim, a pessoa precisa preparar todos os documentos para começar seu processo de candidatura. O currículo deve ser elaborado com muito cuidado e deve destacar informações relevantes sobre a formação e as experiências de trabalho. O documento precisa ser conciso e apresentar todos os dados de forma clara e direta. Com isso em mãos, é hora de procurar o tão sonhado emprego.A busca por profissionais da área química está em alta e assim deve permanecer. Afinal, a busca constante por novas soluções faz com que as oportunidades oferecidas nessa área continuem crescendo nos próximos anos. Se você tem o perfil para seguir essa carreira, trace objetivos profissionais e inicie já seus estudos.
Compartilhar:
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Facebook
  • E-mail
Esse artigo é útil?

Leia mais artigos