Como se tornar um produtor musical

Atualizado em: 3 de fevereiro de 2023

A música é mais do que algo agradável para se ouvir. É um meio profissional e um mercado que movimenta muito dinheiro no mundo todo. Se esse é o campo de trabalho dos seus sonhos, vale a pena conhecer melhor o papel dos produtores musicais. Neste artigo você encontrará uma série de informações sobre como se tornar um produtor musical: o que faz a pessoa que tem esse cargo, a diferença em relação a outras profissões no meio musical e as principais dicas para quem pretende dar os primeiros passos nessa carreira.
Vagas relacionadas no Indeed
Vagas de meio período
Ver mais vagas no Indeed

O que é papel dos produtores musicais (e o que não é)

O papel de produtores musicais costuma ser confundido com o de outras figuras importantes no mundo da música, como compositores, produtores artísticos ou empresários. Isso acontece porque pode haver sobreposição de funções em determinados projetos, principalmente em processos experimentais ou nos trabalhos com artistas independentes. Por isso, é bom saber quais são as responsabilidades de um produtor musical:
  • Levantar referências, ajudando a definir a estética musical que vai permear todo o projeto.
  • Colaborar na composição com sugestões que vão de encontro com o conceito de um produto musical ou possam solucionar algum impasse criativo.
  • Estruturar a produção, identificando quais as necessidades técnicas e artísticas a partir de sua visão geral do trabalho, além de ter em mente o posicionamento no mercado.
  • Gestão de projeto, cuidando de detalhes que incluem a contratação de músicos, locação de instrumentos e seleção de equipamentos, mantendo o controle de orçamento e prazos.
  • Direção de gravação, dos ensaios ao trabalho em estúdio, garantindo que o projeto atinja o padrão de qualidade desejado.
  • Acompanhamento da Mixagem, orientando a finalização do trabalho.
Seja para produzir uma única música ou um álbum inteiro, os produtores acompanham todo o processo de criação de um projeto musical até que tudo esteja pronto para o lançamento.Relacionado: Desenvolva a gestão estratégica e fique mais perto do sucesso

Diferenças entre o trabalho de produtor musical e de outros profissionais da música

Como mencionado antes, produtores musicais podem abraçar mais de uma função de acordo com o perfil de um projeto. Por exemplo, nada impede que uma pessoa componha e produza as próprias músicas ou se envolva na divulgação e agendamento de shows, que costuma ser tarefa de uma empresária ou um empresário do ramo da música. De forma resumida, podemos diferenciar a atuação desses profissionais assim:
  • Compositores e artistas criam músicas originais, escrevendo acordes e melodias que provocam sensações no público.
  • Empresários realizam várias funções práticas com foco no direcionamento da carreira de artistas, podendo deixar o trabalho de divulgação a cargo de profissionais de relações públicas.
  • Produtores artísticos participam do trabalho de forma estratégica, geralmente em projetos maiores, alinhando as ideias com determinadas tendências de mercado.
  • Produtores musicais se encarregam de conceituar, gerenciar e aprimorar a parte artística do projeto.
No cenário musical, essas posições podem se fundir por questões de orçamento ou ficar bem definidas dentro de equipes que trabalham com artistas de grande projeção no mercado fonográfico.Relacionado: Conheça 12 profissões ligadas à arte

Como se tornar um produtor musical: formação e primeiros passos na carreira

Apesar de muitos produtores musicais famosos terem ingressado na carreira como autodidatas, atualmente é possível obter uma graduação específica para atuar na profissão de produtora ou produtor musical. O curso em questão leva dois anos e consta do Catálogo Nacional de Cursos Superiores de Tecnologia como Produção fonográfica - Produção musical. Outras opções de curso superior para quem quer trabalhar com música são a licenciatura ou bacharelado em música. E ainda há uma grande oferta de cursos livres de produção musical ou que abordam o processo de gravação e mixagem.Além de investir em sua formação, estes são alguns passos que você pode dar para se tornar um produtor ou produtora musical:

1. Aprimore a sua inteligência musical

As pessoas com a aspiração de produzir música geralmente são criativas e têm ouvidos apurados para distinguir diferentes tipos de som. Essas características fazem parte da inteligência musical, que você pode estimular de diferentes formas:
  • Ouça músicas de diferentes estilos e épocas: isso amplia os seus conhecimentos sobre a produção musical sob o ponto de vista artístico, cultural e até mercadológico.
  • Toque algum instrumento: você só precisa saber o básico, que é ler partituras, mas praticar é importante para se familiarizar com a diversidade de sonoridades, harmonias e ritmos.
  • Experimente as ferramentas de edição musical: na internet há uma série de softwares que você pode baixar grátis ou usar por um período de teste gratuito para fazer suas primeiras experiências de mixagem sonora, por exemplo, além de uma infinidade de vídeos com tutoriais.
Essas práticas vão manter a sua inteligência musical afiada e desenvolver a sua capacidade de avaliar a qualidade técnica e artística de projetos musicais.Relacionado: Usando os sete tipos de inteligência no trabalho

2. Desenvolva habilidades úteis

Estas são três habilidades que fazem diferença para quem quer ser produtor ou produtora musical:
  • Liderança, afinal, você deve orientar o trabalho de técnicos, engenheiros de som e artistas como músicos, cantores e maestros.
  • Comunicação interpessoal para transmitir com clareza os conceitos de cada projeto a todas as pessoas da equipe e até mesmo aos executivos de gravadoras e à imprensa.
  • Mentalidade estratégica, importante para o planejamento de cada etapa da produção musical de acordo com uma visão geral do projeto e da repercussão desejada.
Some a essas habilidades a sua criatividade e paixão pela música, além de sempre estar por dentro das tendências e novidades tecnológicas que se aplicam ao mercado fonográfico.

3. Ganhe experiência na área

Como se tornar um produtor musical não é algo que aconteça da noite para o dia, ou seja, um resultado imediato para quem obtém um diploma. É importante ganhar experiência na área. Para isso, você pode adotar as seguintes estratégias:
  • Procure oportunidades de estágios, trabalhos voluntários e parcerias.
  • Aproveite as redes sociais para divulgar o seu talento e se conectar a artistas e empresários da música.
  • Faça networking ao participar de shows e festivais. A cada experiência, você ganha mais confiança ao realizar o seu trabalho e pode avançar em sua trajetória profissional até construir uma ótima reputação no meio musical.
Relacionado: O que faz um produtor cultural
Compartilhar:
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Facebook
  • E-mail
Esse artigo é útil?

Leia mais artigos