Desenvolvimento de carreira

Um guia para pais que precisam trabalhar com filhos em casa

Como a COVID-19 ainda está sendo disseminada, as empresas estão tomando medidas preventivas e pedindo aos funcionários que trabalhem em casa enquanto as escolas estão fechando ou ministrando aulas virtualmente. Como resultado, muitas pessoas acabam ficando em casa com os filhos, tentando conciliar a atenção às crianças e a produtividade.

Certamente, trata-se de uma grande transição, e muitos podem não se sentir preparados. Ainda que não exista uma solução fácil ou perfeita para todos, pensamos em algumas sugestões para você equilibrar os cuidados com sua família durante um período tão estressante e confuso, enquanto tenta manter suas tarefas e seus prazo em dia. Caso ainda não o tenha feito, consulte nosso Guia para trabalhar em casa.

Candidate-se facilmente com um Currículo Indeed

Como equilibrar trabalho e filhos em casa

Em momentos como este, é importante priorizar a sua saúde e a de sua família, e manter uma comunicação honesta com a empresa em que você trabalha pode ajudar nessa tarefa. Assim, é possível estabelecer expectativas, ter uma boa comunicação e manter todos alinhados.

A seguir, mostramos outras formas de equilibrar o trabalho e a atenção à família enquanto você trabalha em casa na presença dos seus filhos:

1. Comunique-se bastante e defina as expectativas

Converse com seu gerente para determinar e redefinir as expectativas em relação às suas metas e aos seus prazos durante todo o período em que você vai trabalhar em casa. Muitas empresas entendem a dificuldade da situação e podem ajudar você caso seja necessário ajustar sua programação ou suas metas.

Caso isto ainda não seja uma prática, cogite solicitar ao seu gerente e às partes interessadas um acompanhamento semanal ou quinzenal via chamada por vídeo ou telefone. Se mantiver uma comunicação consistente, você conseguirá fazer com que seu gerente esteja ciente do seu progresso, além das mudanças e do apoio de que você possa precisar. A comunicação é muito importante para que haja um entendimento comum das limitações do trabalho em casa quando acompanhado da atenção aos filhos.

Você também pode definir expectativas sobre o que pode ocorrer durante as reuniões. Por exemplo, você pode explicar logo de início que talvez precise se ausentar da reunião por alguns minutos para tratar de algum problema que surja ou que se uma criança entrar na sala, você precisará se afastar e voltará o mais rápido possível.

2. Gerencie seu tempo e defina uma programação

Separe o tempo necessário para as atividades com os filhos, mas tendo em mente que nem sempre planejar o tempo funciona, devido à imprevisibilidade das crianças. Não há problema em ter de dedicar algumas horas do dia para cuidar dos filhos. Caso seja possível, tente dividir o tempo de atenção às crianças com outra pessoa e crie sua programação com base nisso.

Informe à sua equipe e ao seu gerente em quais horários você não estará disponível. Sempre que possível, tente otimizar sua agenda para participar de reuniões da equipe e de compromissos importantes.

Ter uma programação básica (e flexível) pode ser bom para você e seus filhos. Você pode até mesmo tentar replicar a programação de um dia escolar típico para manter a consistência, e as escolas podem fornecer um currículo on-line.

Por exemplo:

  • Das 8:00 às 10:00: café da manhã e brincadeiras em casa (sem dispositivos eletrônicos)
  • Das 10:00 às 12:00: brincadeiras no quintal (se o tempo estiver bom)
  • Das 12:00 às 12:30: almoço
  • Das 12:30 às 14:00: hora do descanso e de passar um tempo sozinho
  • Das 14:30 às 16:30: projeto em grupo (artes, ciência, cozinhar etc.)
  • Das 16:30 às 17:00: assistir TV até o jantar
  • Rotina noturna típica

Se for possível, tire uma folga, especialmente quando precisar de uma pausa.

3. Estabeleça limites com o trabalho e seus filhos

Estabelecer limites e regras claras para você, seus filhos e colegas de trabalho ajudará todos a se entender melhor.

Para os colegas de trabalho...

  • Informe sua disponibilidade, incluindo quando você vai encerrar o dia, quando vai tirar uma folga e quando vai precisar ficar off-line durante a semana.
  • Quando possível, assuma o trabalho que você sabe que consegue fazer e repasse aquele que não pode assumir. Informe isso ao seu gerente para que ele entenda o tipo de ajuda de que você precisa.
  • Forneça suas informações de contato de emergência, caso alguém precise entrar em contato com você em períodos de folga, mas explique quais casos devem ser tratados como emergência.

Para as crianças...

  • Informe sua programação familiar diária, explicando quando você estará presente e quando estará indisponível ou “no trabalho”.
  • Encontre um espaço silencioso onde seja possível ter um limite físico, como seu quarto, um escritório ou algum outro cômodo.
  • Combine com eles a criação de um sinal para seu espaço silencioso, que mostre quando você não deve ser incomodado, a menos que haja uma emergência. Esse sinal pode ser um polegar para cima ou para baixo, um sinal de pare ou uma luz verde etc.

4. Aproveite os recursos gratuitos

Devido a essa transição, muitas organizações estão oferecendo recursos gratuitos, incluindo aulas on-line, artesanato e exercícios físicos. Aqui estão alguns:

  • Stoodi: o Stoodi está disponibilizando temporariamente todas as suas videoaulas voltadas ao ensino médio de forma gratuita.
  • Amazon: oferece centenas de livros digitais gratuitos, que podem ser lidos em um dispositivo Kindle ou no aplicativo Kindle para computador e celular.
  • Khan Academy: centro de aprendizagem gratuito em 40 idiomas, com conteúdo para pais, professores.
  • Duolingo: aplicativo para aprendizagem de idiomas de forma gratuita.
  • Brasil Escola: oferece conteúdos sobre uma série de disciplinas escolares.
  • Escola Luminova: tem vídeos, publicações e atividades propostos pelos professores da escola.
  • Casa Thomas Jefferson: a escola de línguas disponibilizou uma série de conteúdos gratuitos.
  • Escola Kids: vários conteúdos voltados para crianças, sobre disciplinas como matemática e geografia.
  • Toda matéria: dezenas de conteúdos escolares sobre disciplinas variadas.
  • Britannica Escola: conteúdos sobre diversas disciplinas direcionados para crianças no ensino fundamental I.
  • Canal do Ensino: um site com notícias sobre cursos e conteúdos de aprendizado.
  • Porvir: site com muitas novidades a respeito do mundo do ensino.

5. Faça pausas

Fazer pausas regulares é importante em qualquer trabalho, especialmente quando se trabalha em casa, e mais ainda quando se trabalha em casa com crianças por perto. Fazendo isso, é possível aumentar a produtividade e reduzir o desgaste. Você pode experimentar o método Pomodoro, que define um período de 25 minutos de concentração na atividade e uma pausa obrigatória de cinco minutos. Procure fazer uma caminhada, seguir um vídeo curto de exercícios, um exercício de respiração ou outras atividades simples que fazem você se sentir descansado.

Você também pode parar um pouco para ligar para alguém que está passando por algo semelhante ou fazer um bate-papo por vídeo. Fazer isso é uma ótima maneira de relaxar e manter o contato com as pessoas.

Embora esse seja um momento estressante e confuso, saiba que você não está sozinho. Informe e defina expectativas com as empresas e os colegas de trabalho, entre em contato com um amigo quando precisar relaxar, faça pausas e estabeleça limites. Pequenos passos como esses podem ajudar um pouco esse período em que será preciso trabalhar em casa com seus filhos.