O que faz um auxiliar de recursos humanos (habilidades e formação)

Atualizado em: 2 de fevereiro de 2023

Hoje em dia, grande parte das empresas conta com o departamento de recursos humanos. É lá que as tarefas voltadas à gestão de colaboradores são feitas. Desse modo, além da presença de líderes da gerência e da coordenação, demais profissionais também exercem papel fundamental no departamento, a citar analistas, assistentes e auxiliares de RH. Descubra neste artigo o que faz um auxiliar de recursos humanos, além das habilidades e a formação de quem atua ou pretende ingressar na área.
Vagas relacionadas no Indeed
Vagas de meio período
Ver mais vagas no Indeed

O que é um auxiliar de recursos humanos?

Auxiliares de recurso humanos prestam auxílio a demais especialistas que ocupam outros cargos na área de RH. Geralmente, são profissionais que estão em fase de aprendizagem e que ganham experiência ao desempenhar as tarefas, aprendendo como funciona o departamento de recursos humanos.Relacionado: O que é recursos humanos

Quais atividades são realizadas por auxiliares de recursos humanos?

Auxiliares de recursos humanos são especialistas que exercem atividades de apoio, ajudando nas principais atividades e projetos que o departamento de RH pode desenvolver nas empresas. Normalmente, preenchem informações no sistema, arquivam documentos, anotam solicitações e recados, fazem buscas de candidatos e descrevem os pré-requisitos e informações relacionadas a vagas no site e nas plataformas digitais da empresa em que trabalham.Além disso, auxiliares de recursos humanos também podem desempenhar as seguintes funções:
  • agilizam as solicitações relacionadas às pendências e à falta de cumprimento dos regulamentos estipulados;
  • preparam e analisam as folhas de pagamento, considerando os descontos ou os acréscimos deliberados;
  • entram em contato e acompanham as solicitações e as auditorias relacionadas aos órgãos públicos;
  • fazem orientações iniciais aos recém-contratados, treinam e os apresentam a demais colaboradores;
  • agendam e fazem o controle das férias remuneradas;
  • contratam empresas terceirizadas;
  • fazem a prospecção e as negociações de benefícios extras;
  • compilam e atualizam as documentações físicas e digitais de funcionários e de prestadores de serviços;
  • atendem e participam dos processos jurídicos;
  • elaboram dinâmicas, apresentações e avaliações de desempenho;
  • avaliam as sugestões e reclamações de colaboradores;
  • agendam reuniões;
  • buscam parcerias.
Grande parte das atividades acima listadas demonstram que as tarefas exercidas por auxiliares de RH buscam facilitar a comunicação interna e externa de colaboradores, além de contribuir com as atividades que ajudam no desenvolvimento das pessoas nas empresas.

Como se tornar auxiliar de recursos humanos?

Os pré-requisitos podem variar de acordo com a proposta da empresa ou da descrição do cargo. Por isso, algumas vagas podem solicitar apenas o ensino médio completo, mas outras poderão solicitar curso técnico-profissionalizante ou cursos complementares relacionados à área.Com base nisso, algumas instituições de ensino e instituições disponibilizam cursos pagos e gratuitos com certificado que ajudam colaboradores a ganhar conhecimento profissional e aprimorar o currículo, entre elas estão:

Gestão de pessoas

O Sebrae oferece esse curso com duração de oito horas, na modalidade online e oferta ao final do curso um currículo autenticado. As aulas abordam ferramentas e métodos estratégicos relacionados aos processos de recrutamento e seleção, visando a identificação de profissionais promissores. Além disso, retratam assuntos como liderança e motivação, desenvolvimento de equipes, gestão de conflitos e gestão de pessoas nos tempos atuais.

Indicadores de recursos humanos

O curso auxilia especialistas a criar e acompanhar os indicadores de desempenho do departamento de RH, conseguindo dessa forma avaliar informações com mais clareza e analisar os resultados obtidos. O Senac disponibiliza essa formação na modalidade presencial com uma carga horária de 18 horas. As aulas se destinam às pessoas que pretendem aprender sobre indicadores de desempenho (KPIs) e aperfeiçoar as habilidades de análise.

Cursos técnicos e profissionalizantes

A formação profissionalizante concentra informações teóricas em matérias de desenvolvimento humano e organizacional e também ensina como mediar e resolver situações no ambiente de trabalho. A Uninter dispõe de curso técnico com uma carga horária de 1.220 horas e duração média de 16 meses na modalidade EAD. Ao final do curso é disponibilizado um certificado de conclusão. As aulas têm como público-alvo as pessoas que buscam qualificações profissionais na área de RH e que têm o intuito de aprimorar as habilidades de pesquisa, de avaliação, de acompanhamento e de tomada de decisões.Desse modo, além das especificidades dos cursos descritos acima, você poderá pesquisar assuntos relacionados ao empreendedorismo, informática aplicada, matemática financeira, liderança organizacional, cultura e mudanças organizacionais, gestão de cargos, psicologia para RH, treinamentos e planos de carreira, pois todos eles podem colaborar para o desenvolvimento profissional na função de auxiliar de recursos humanos.Relacionado: O que é necessário para trabalhar no RH

Quais habilidades um auxiliar de recursos humanos deve ter?

Auxiliar o processo de gestão de pessoas envolve situações emocionais e racionais. Diante disso, muitas empresas buscam especialistas que possam zelar por todas essas pessoas que estão empenhadas em entregar resultados às empresas. Sob esse aspecto, elas precisam de profissionais para atender os interesses dos colaboradores e da empresa e que tenham as seguintes habilidades pessoais:
  • Organização: ter organização é fundamental diante do volume de documentos e de atividades atribuídas a quem ocupa o cargo. Em meio a isso, fazer a gestão de tempo e o gerenciamento das tarefas fará com que os objetivos e as entregas sejam cumpridos em tempo hábil.
  • Comunicação: para abordar os assuntos com imparcialidade e transmitir comunicados, internos e externos, traduzir as ideias e os interesses da empresa e de colaboradores e intermediar as negociações de contrato de prestação de serviços.
  • Empatia: para compreender que todas as pessoas enfrentam desafios no ambiente de trabalho. Por isso, agir com cautela pode ser uma das melhores formas para solucionar problemas e evitar estresse ou maiores conflitos.
  • Ética: para resguardar as informações confidenciais em relação aos negócios e objetivos da organização e sobre os dados pessoais de colaboradores, agindo também de forma discreta e garantindo o máximo de segurança possível sobre a integridade e os interesses das partes envolvidas.
  • Boa relação interpessoal: tanto para si como para as demais pessoas envolvidas, através de ações e da adoção de políticas colaborativas, amigáveis e respeitosas.
  • Flexibilidade: para lidar com as diferenças de personalidade, hierárquicas, de geração, encontrando um meio termo para que todas as pessoas possam trabalhar em um ambiente com maior tolerância.
  • Inteligência emocional: saber identificar e conseguir lidar com os próprios sentimentos é importante. Pois, por meio disso é possível interpretar e agir de forma equilibrada e assertiva, sobretudo, ao ter de intermediar situações de conflitos.
Ter as habilidades citadas acima tende a facilitar a rotina de trabalho das pessoas que ocupam o cargo. Para se destacar no mercado de trabalho, você também pode considerar a adoção de competências adicionais como criatividade e inovação, aprendizado contínuo e autogerenciamento. Além de ajudar no desempenho das tarefas, isso demonstrará que você poderá trazer novos conhecimentos e métodos de trabalho que podem gerar benefícios ao departamento e à empresa como um todo.
Obtenha um feed de vagas personalizado no Indeed
Seja a primeira pessoa a ver novas vagas em sua área

Como está o mercado de trabalho para auxiliares de recursos humanos?

O mercado busca auxiliares de recursos humanos que tenham determinadas habilidades profissionais e que possam atuar em diferentes funções da área de RH, como:
  • Treinamento e desenvolvimento: buscará métodos de treinamento e de desenvolvimento que se alinhem à cultura da empresa e ajudará a preparar junto a colaboradores os planos de carreira, aposentadoria e transições de carreira.
  • Recrutamento e seleção: trabalhará formulando os pré-requisitos das vagas, além de divulgar e buscar profissionais que se encaixam nelas. Também preparará entrevistas e dinâmicas para os processos de seleção.
  • Administração de remuneração: pesquisará como o mercado de trabalho tem remunerado os profissionais por cargo. Além disso, buscará meios para que a empresa possa oferecer salários e benefícios que sejam atrativos, com intuito de trazer os melhores profissionais do mercado.
No que se refere à remuneração paga ao cargo, o salário médio praticado para auxiliares de recursos humanos é de R$ 1.661,00 ao mês.Aviso legal: informamos que nenhuma das empresas, instituições ou organizações mencionadas neste artigo é afiliada ao Indeed.As informações sobre médias salariais são extraídas de publicações nos sites indicados, com checagem na data de redação deste artigo. Os valores ficam sujeitos a variações de acordo com as características de cada vaga de trabalho.
Compartilhar:
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Facebook
  • E-mail
Esse artigo é útil?

Leia mais artigos