O que faz um operador de caixa

Atualizado em: 11 de outubro de 2023

Operadores de caixa têm como função atender o público, recebendo os pagamentos, emitindo notas e fechando o caixa do ambiente em que trabalham. Podem prestar serviço em lojas, mercearias, supermercados e diversos outros estabelecimentos. Neste artigo, confira o que faz um operador de caixa, como é o mercado de trabalho, como seguir nessa carreira e quais habilidades são importantes para a função.
Vagas relacionadas no Indeed
Vagas de meio período
Ver mais vagas no Indeed

Quais são as atribuições de operadores de caixa

A principal atribuição de um operador de caixa é registrar as mercadorias no sistema, recebendo o pagamento dos clientes. Deve ter atenção para fazer o registro correto de todos os produtos comprados para que possa informar o valor certo ao consumidor. Entre as principais atribuições de um operador de caixa estão:
  • responsabilizar-se pela abertura e fechamento do caixa;
  • fazer o registro correto dos produtos comprados;
  • receber o pagamento, operando corretamente as tecnologias de pagamento;
  • providenciar o troco no caso de pagamentos em dinheiro;
  • fazer o controle de estoque;
  • responsabilizar-se pelo controle financeiro;
  • emitir as notas fiscais.
Operadores de caixa costumam trabalhar em lojas, mercados, shoppings, cafés, restaurantes, farmácias, pedágios, eventos e em diversos outros estabelecimentos. Em sua principal função de receber e executar pagamentos, pode trabalhar com crédito parcelado ou à vista, débito, transferência bancária ou pix.Sua responsabilidade de fazer o fechamento do caixa geralmente ocorre ao final do expediente, mas também pode ser feita no momento da troca de turnos. Esse procedimento é muito importante para manter o controle financeiro do estabelecimento. De maneira geral, costuma-se comparar os valores das compras do dia com o total que está em caixa e esses valores devem ser equivalentes.Um operador de caixa eficiente deve se interessar por operações comerciais e entender as diferentes e modernas tecnologias de pagamento que existem atualmente. Habilidades matemáticas e raciocínio rápido são de grande ajuda para a profissão.Deve-se também levar em conta o relacionamento com os clientes. Um bom operador de caixa tem educação e cumprimenta as pessoas que atende com simpatia, contribuindo para uma boa imagem da empresa onde atua.Relacionado:

Formação para operadores de caixa

Não há uma formação obrigatória para quem tem interesse em ser operador de caixa. A maioria dos estabelecimentos exige apenas que a pessoa tenha cursado pelo menos o nível médio. Contudo, ter experiência pode ser uma vantagem para conquistar a vaga.Geralmente quando se efetiva a contratação, as empresas fornecem um treinamento breve para compreensão dos procedimentos e do sistema. Por ser uma área que requer um contato direto com o público, é essencial que um operador de caixa tenha certas habilidades administrativas. Essas competências podem ser adquiridas por meio de um curso proporcionando vantagens profissionais ao candidato.Relacionado: Como criar uma carta de apresentação para operador de caixa

Cursos profissionalizantes

Fazer um curso técnico pode ser a melhor opção, já que é de curta duração. Há também cursos específicos voltados para os conhecimentos necessários para um operador de caixa. Essas formações costumam abranger conteúdos na área da informática e do setor comercial, além de disciplinas com foco em administração. Há também a opção de fazer algum curso na área de gestão de pessoas ou informática administrativa.Há muitas opções de cursos profissionalizantes e alguns são ofertados inclusive no formato EAD. Caso tenha interesse em receber um salário melhor e ganhar mais responsabilidades, é interessante se profissionalizar. Existem diversas instituições públicas e privadas que oferecem essas oportunidades.Relacionado: Principais habilidades de um operador de caixa

Cursos de graduação

Operadores de caixa estão a todo momento lidando com dinheiro, tendo que manter o controle e responsabilizar-se pelo faturamento. Será sua responsabilidade caso, no final do dia, haja divergência entre os valores recebidos e o que consta no caixa. Por isso, caso queira se especializar e aprimorar seus conhecimentos para exercer melhor a função de caixa, há alguns cursos superiores que podem ser bastante úteis.A melhor alternativa talvez seja investir em cursos que envolvam o financeiro, a administração e a contabilidade. Nessas áreas há algumas alternativas de cursos técnicos, que são graduações em nível superior, mas com duração de apenas dois anos. Para aquelas pessoas que já trabalham e precisam conciliar estudo e trabalho, existem opções na modalidade EAD.Confira dois cursos que podem ser uma boa escolha para quem quiser se aprimorar e fazer graduações que possam colaborar com a carreira de operador de caixa e ainda facilitar uma promoção na área:

Gestão comercial

Esse curso é recomendado para quem se interessa em trabalhar com transações financeiras em vários tipos de atividades comerciais. Os alunos estudam sobre as operações monetárias e tributárias, fazendo estudos acerca da viabilidade da economia. Também aprendem sobre os processos de análises comerciais, pesquisas de mercado, demanda e precificação.

Gestão financeira

Nessa formação os estudantes aprendem sobre os mais importantes recursos que são usados para desempenhar uma gestão eficiente de finanças. Estudam sobre tributos, pró-labore, balanços patrimoniais, fluxo de caixa, relatórios contábeis e controle de estoques. Além disso, aprendem sobre orçamento empresarial e captação e aplicação de recursos.Com formações como essas, os profissionais ganham mais chances de evoluir na carreira, alcançando cargos mais altos e salários mais interessantes.Relacionados:

Mercado de trabalho para operador de caixa

Operadores de caixa podem atuar em uma variedade de segmentos. A maioria, se não todos os estabelecimentos comerciais, conta com um operador de caixa, resultando em muitas oportunidades. Confira abaixo alguns dos estabelecimentos que costumam contratar operadores de caixa:
  • lojas de shopping center;
  • farmácias e drogarias;
  • transportadoras;
  • lojas de comércio atacadista;
  • lojas de comércio varejista;
  • supermercados;
  • postos de gasolina;
  • pedágio;
  • lotéricas;
  • lojas de conveniência;
  • instituições financeiras.
Há ainda a possibilidade de atuar como operador de caixa em instituições bancárias, mas as exigências para esse posto são bem maiores. Para uma pessoa ser contratada em instituições do governo, deve passar por um concurso público. Na avaliação, serão testados alguns conhecimentos gerais e específicos. Já em bancos privados, geralmente o processo de contratação envolve a análise do currículo e entrevistas.Relacionado: Quanto ganha um operador de caixa?

Habilidades essenciais de operadores de caixa

Para atuar bem em suas funções, um operador de caixa precisa ter algumas qualidades profissionais. Dentre elas estão uma noção básica de matemática, agilidade, muita atenção e organização. Além dessas competências, o profissional deve ainda ter algumas habilidades pessoais para que possa se destacar, tais como boa comunicação com o público, cordialidade, paciência e comprometimento.Um operador de caixa deve ter também muita responsabilidade para que possa garantir um bom serviço ao cliente. Deve ser capaz de tirar dúvidas, registrar reclamações e passar estas informações aos superiores. Deve ainda ter atenção para registrar corretamente os itens passados no caixa, informando o custo total da compra. Confira abaixo um compilado das principais habilidades que um bom operador de caixa deve ter:
  • educação para tratar bem clientes;
  • honestidade para passar credibilidade e saber lidar com o dinheiro;
  • paciência para lidar com o público;
  • atenção na hora de executar as tarefas do trabalho;
  • agilidade para fazer as contas;
  • raciocínio rápido;
  • organização para lidar com multitarefas;
  • boa comunicação.

Compartilhar:
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Facebook
  • E-mail
Esse artigo é útil?

Leia mais artigos