10 profissões autônomas em alta

Atualizado em: 12 de outubro de 2023

O mundo do trabalho está sempre em movimento e, após a pandemia de Covid-19, essas mudanças se intensificaram ainda mais. Muita gente mudou o modo de enxergar sua relação com a vida profissional e passou a buscar alternativas de emprego e renda com maior liberdade e flexibilidade de tempo. Uma saída que muitas pessoas encontraram foi deixar o compromisso com a empresa onde estavam e se tornarem profissionais autônomos, cuidando da própria carreira. Se você também se interessa por esse modelo de trabalho, conheça 10 profissões autônomas em alta e veja se alguma delas pode ser sua próxima atividade.Aviso legal: informamos que nenhuma das empresas, instituições ou organizações mencionadas neste artigo é afiliada ao Indeed.
Vagas relacionadas no Indeed
Vagas de meio período
Ver mais vagas no Indeed

O que é ser autônomo

Trabalhar de forma autônoma significa realizar as mais diversas atividades profissionais sem ter um vínculo empregatício como uma empresa. Ou seja: quem é autônomo é seu próprio chefe e se torna responsável por gerenciar seus compromissos profissionais, buscar novos clientes, divulgar seus serviços, cuidar das transações financeiras e documentações burocráticas envolvidas com essa rotina de trabalho.Segundo o Artigo 4 da Lei Federal Nº 5.890, um trabalhador autônomo é, tecnicamente, uma pessoa física, que é remunerada mediante a apresentação de um RPA, o Recibo de Pagamento Autônomo. Ou seja: para ser considerada autônoma, a pessoa não pode abrir uma empresa, ter um CNPJ e emitir notas fiscais dos serviços realizados.Relacionados:
  • 6 ideias de trabalhos autônomos
  • 5 profissões freelancer em alta
  • 8 profissões em alta em 2022

Diferença de profissional liberal para autônomo ou freelancer

É muito comum haver confusão entre os tipos de profissões que trabalham por conta própria. A categoria de profissionais liberais é composta apenas por aqueles com uma formação técnica ou superior, geralmente regidos por um órgão de classe, e que podem atuar de maneira independente, mas também com vínculo empregatício. Alguns exemplos são:
  • advogados;
  • jornalistas;
  • arquitetos;
  • engenheiros;
  • contadores.
Já os autônomos, embora possam ter uma formação profissionalizante, não possuem um conselho de classe ou órgão fiscalizador e trabalham majoritariamente de maneira independente, podendo atuar sob a forma de microempreendedor individual, por exemplo. Alguns exemplos de profissões nessa categoria são:
  • marceneiros;
  • pedreiros;
  • mecânicos;
  • esteticistas;
  • personal trainers.
Em todos os casos, trabalhar por conta própria não significa informalidade, ou seja, todas as formas de trabalho independente estão sujeitas a, no mínimo, recolhimento de impostos sobre os serviços prestados e sobre a renda.

Vantagens do trabalho autônomo

Seja como profissional liberal ou simplesmente autônomo, as pessoas optam por esse modelo de atividade por diversas razões, mas geralmente são atraídas pelas vantagens oferecidas pela independência em relação a empregadores. Conheça algumas delas:
  • flexibilidade: atuando de forma autônoma, você pode definir seus horários de trabalho e equilibrar seus compromissos profissionais e pessoais da forma que preferir
  • autonomia: não é preciso prestar contas a superiores, e você decide os rumos de sua carreira, escolhendo como deseja trabalhar, quanto quer cobrar e de que forma pretende se posicionar no mercado
  • escalabilidade: se conseguir captar uma boa quantidade de clientes e prestar seus serviços de forma rentável, seus ganhos mensais podem crescer de forma progressiva e gerar rendimentos escaláveis e muito atrativos.
Mas vale lembrar que o trabalho autônomo também tem suas desvantagens, que precisam ser consideradas na hora de decidir por esse modelo de atuação. As principais são:
  • instabilidade: sem a previsibilidade do salário fixo mensal, quem atua autonomamente precisa se preparar para atravessar momentos de instabilidade do mercado, que podem impactar o faturamento do mês
  • falta de benefícios: direitos trabalhistas como férias remuneradas e 13º salário não existem nesse modelo de trabalho, e você é responsável por recolher seus impostos e gerenciar sua situação previdenciária junto ao governo
  • responsabilidade única: não há uma equipe para compartilhar a responsabilidade por eventuais problemas ocorridos ou erros cometidos, e só você responde pela qualidade dos serviços que presta.
Avaliando esses fatores, fica mais fácil entender se o trabalho autônomo é uma opção adequada para você. Se ter mais liberdade e autonomia faz parte do seu plano de carreira para o futuro, vale a pena conhecer algumas das profissões autônomas em alta e avaliar se alguma delas tem potencial para se tornar sua próxima carreira.Leia também: Como ser um revendedor de gás independente
Carregue seu currículo no Indeed
Permita que as empresas encontrem você ao criar um Currículo Indeed

10 profissões autônomas em alta

O mercado de trabalho atual apresenta uma alta demanda por alguns serviços, em diversos setores da economia, que podem ser ótimas opções de ocupação para quem pretende seguir carreira de forma autônoma. Conheça algumas dessas profissões e as possibilidades de atuação que elas oferecem.

Desenvolvedor mobile

Com as pessoas cada vez mais dependentes de seus dispositivos e gadgets, resolvendo diversas tarefas do dia a dia com alguns cliques em seus smartphones e tablets, a procura por quem saiba desenvolver aplicativos e plataformas para dispositivos móveis continua alta.Se você domina as linguagens de programação necessárias para conceber apps voltados para os principais sistemas operacionais do mercado – iOS e Android – e gostaria de trabalhar por conta própria, pode construir uma carreira rentável e dinâmica prestando esse tipo de serviço para empresas que precisam criar esse tipo de solução.

Consultor

Consultores podem atuar nos mais diferentes segmentos – finanças, marketing, educação, vendas, recursos humanos – e prestar seus serviços para empresas e organizações que precisam de um olhar independente sobre o andamento de seus negócios. Essas pessoas, geralmente, adquiriram uma sólida experiência em suas áreas de atuação e deixaram seus empregos formais para oferecer seus serviços especializados de forma autônoma.Se você acha que já reuniu uma vivência considerável no seu setor, procure saber como se tornar um consultor na área em que atua e avalie se esta pode ser uma profissão autônoma para você.

Produtor de Conteúdo

Outra profissão autônoma em alta é a de produção de conteúdo. Esse setor reúne, geralmente, escritores, redatores, revisores e tradutores que oferecem seus serviços criativos e técnicos para empresas que apostam na estratégia do "marketing de conteúdo".Essa abordagem se baseia na produção de artigos e outros materiais escritos na internet para atrair a atenção do público-alvo, e o sucesso desse método de divulgação fez disparar a procura pelos serviços de produção de conteúdo. Se você tem um amplo domínio da língua portuguesa e gosta de acompanhar os mais diversos assuntos da atualidade, trabalhar nesse setor pode ser uma alternativa de carreira interessante.Relacionado: Quanto ganha um redator freelancer?

Social Media & Marketing Digital

O fenômeno das redes sociais e da vida cada vez mais conectada das pessoas faz com que trabalhar com mídias sociais e marketing digital também sejam uma das profissões autônomas em alta na atualidade. Muitas empresas e companhias precisam contratar especialistas nessa área para manter seus perfis de redes sociais constantemente atualizados e convidativos, e para implementar campanhas de atração e conversão de novos clientes através de anúncios digitais nessas plataformas.O serviço inclui planejar as postagens, definir uma linha editorial, configurar campanhas e acompanhar todos esses resultados, medindo a eficácia das ações e propondo ajustes para melhorar sua performance.

Agente Autônomo de Investimentos

Com as mudanças no mercado financeiro que levaram a poupança a reduzir seus rendimentos, muitos investidores precisaram diversificar seus investimentos para tentar proteger seu patrimônio e manter seus ganhos.Essa realidade abriu as portas para a atuação de agentes autônomos de investimentos: profissionais certificados a orientar e aconselhar seus clientes a respeito dos produtos financeiros mais indicados para seu perfil, ajudando a alcançarem seus objetivos de curto, médio e longo prazo. Com a chegada das fintechs e a explosão de novas soluções financeiras no mercado, o cenário é promissor nessa área, e as oportunidades nesse setor só tendem a crescer cada vez mais.Relacionado: Como se tornar assessor de investimentos

Personal Trainer

Não é de hoje que o cuidado com a saúde e a busca por um corpo ideal vem ganhando força na sociedade. Essa tendência consolidou todo um mercado fitness, focado em serviços orientados ao bem-estar dos clientes e à conquista de resultados visíveis em termos de perda de peso e aumento de força.Uma das figuras principais deste ecossistema de atividades físicas é o personal trainer: uma pessoa habilitada a compreender a realidade de cada pessoa, traçar um planejamento de exercícios semanais e acompanhar seu desenvolvimento físico ao longo da rotina de treinamentos. Como o próprio nome já diz, é um serviço altamente personalizado, e geralmente o profissional vai até a casa do cliente ou acompanha suas atividades nas academias e salas de ginástica dos prédios onde mora, cobrando honorários por seu tempo.

Motorista de aplicativo

A revolução na mobilidade urbana foi impulsionada pelo surgimento de aplicativos como Uber, Lyft e 99, que fizeram surgir uma nova profissão: motorista de aplicativo. Após algum tempo de consolidação dessa atividade, que vem passando por regulamentações trabalhistas e se oficializando como uma carreira, é cada vez mais comum ver pessoas prestando esse tipo de serviço, seja como ocupação principal ou como um emprego de meio-período.O mercado é mais aquecido nas grandes cidades e centros urbanos, mas mesmo em localidades menores e mais afastadas já é possível trabalhar como motorista levando as pessoas de um lugar a outro, fazendo dessa uma das profissões autônomas em alta.

Coach

Os benefícios do coaching vem ganhando destaque há alguns anos e aumentando a procura por esse tipo de serviço. De forma resumida, o papel do coach é orientar seus clientes a respeito de uma série de assuntos e questões nas quais precisam de apoio e mentoria, trazendo informações e experiências que podem ajudar a atingir seus objetivos de vida. É um mercado bem flexível e aberto a novidades, e isso leva à existência de profissionais atuando em segmentos muito diversos: finanças, carreira, vida amorosa, alimentação e muitas outras.Relacionado: Como se tornar um coach

Professor particular

Dar aulas particulares é um dos trabalhos autônomos mais antigos, e segue sendo uma ótima alternativa para quem quer atuar por conta própria. Muitas pessoas, sejam estudantes regulares ou não, não se adaptam ao modelo de ensino em grupo, e precisam contar com o apoio personalizado de um professor particular para melhorar seu aprendizado.Esse mercado é muito amplo, e você pode dar aulas dos mais diversos temas, conforme sua capacidade técnica e sua experiência: línguas, matemática, música, redação, artesanato, informática e muito mais. Construindo uma rede de alunos consistente e uma boa reputação, essa profissão autônoma pode se tornar uma ótima fonte de renda.

Cuidador de pets

Segundo um levantamento realizado pelo Ministério da Agricultura (arquivo em PDF), cães e gatos já estão presentes em mais da metade dos lares brasileiros. O mercado de animais de estimação está cada vez mais efervescente, e não param de surgir produtos e serviços focados exclusivamente no bem-estar dos bichinhos e na conveniência de seus donos.Nesse cenário, algumas das profissões autônomas em alta hoje em dia estão ligadas a esse setor. É o caso de atividades como cuidador de cachorros, pet sitter (babá de pets), passeador de cães (dog walker), adestrador e monitor de cães, todas em tendência de crescimento de demanda.Seja na sua área de atuação original ou buscando uma transição de carreira, trabalhar de forma autônoma pode ser uma opção interessante para você. Mas procure avaliar bem os prós e contras dessa modidade de trabalho e se preparar da melhor forma possível. Fazendo isso, você aumenta as chances de sucesso na atividade que escolher, e poderá alcançar seus objetivos profissionais com mais liberdade e autonomia.
Compartilhar:
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Facebook
  • E-mail
Esse artigo é útil?

Leia mais artigos