15 profissões para quem quer trabalhar em home office

Atualizado em: 4 de março de 2023

A pandemia de covid-19 e as medidas de isolamento social resultaram em oportunidades para profissões home office, já que as empresas se viram obrigadas a adotar essa forma de trabalho por um período e as pessoas se deram conta de suas vantagens, como a economia de tempo gasto no deslocamento até a empresa. Para as contratantes, a vantagem foi que o trabalho em casa muitas vezes não afetou o desempenho e a produtividade, e os gastos básicos como água, luz e telefone foram reduzidos.Esses são apenas alguns fatores que fazem o home office ser cada vez mais incorporado nos diversos setores do mercado. Confira, neste artigo, algumas opções de carreira que possibilitam esse regime de trabalho.
Pesquise vagas no Indeed
Vagas de meio período
Ver mais vagas no Indeed

15 profissões home office

Leia a seguir exemplos de profissões que podem ser desempenhadas em home office para que você veja algumas possibilidades profissionais a considerar caso esteja procurando um emprego remoto. Confira:

1. Professor

Se você é especialista em determinado assunto, não precisa mais se deslocar até uma escola para ensinar sobre a sua especialidade. Atualmente, muitos professores estão lecionando direto de suas residências.Para tal, basta verificar se a área que você pretende ensinar é compatível com o formato virtual. Podemos citar algumas delas: geografia, história, matemática, língua portuguesa, inglês, ciências, biologia e física.

2. Consultor

Consultores são responsáveis pela prestação de consultoria a pessoas ou organizações. Você poderá prestar esse serviço por meio de reuniões on-line e chamadas de vídeos, fornecendo orientações e auxílio em diversos temas e projetos.

3. Coach

O coaching basicamente consiste em um treinamento específico visando a melhoria de desempenho profissional, produtivo, gerencial e até mesmo orientação vocacional. A grande diferença entre consultor e coach é que o primeiro tem seu objetivo pautado na orientação especializada, enquanto o segundo busca ajudar o coachee a alcançar metas por meio de treinamento.Relacionado: Quanto ganha um coach contratado por empresas

4. Contador

O trabalho corporativo em geral adotou o home office, e a área contábil não ficou de fora. Contadores exercem papel importante no controle e gestão da vida financeira das empresas e seus serviços podem ser feitos de casa, bastando algumas ferramentas básicas.

5. Recursos humanos

Muitas empresas contam com profissionais dessa área para poder organizar as tarefas relacionadas à gestão de seus colaboradores, o processo de contratação e desligamento, a organização de relatórios de folha de ponto, entre outros assuntos relacionados. Assim como os demais setores corporativos, os profissionais de recursos humanos também podem trabalhar de casa por meio do uso de algumas ferramentas fundamentais.

6. Editor de vídeos

Essa profissão está em alta no mercado, pois muitas instituições e organizações buscam profissionais para aprimorar seus produtos audiovisuais, como propagandas, anúncios e vídeos institucionais. Todos os processos de recebimento e entrega, bem como as tarefas de edição, podem ser realizados na casa do editor ou editora por meio de ferramentas tecnológicas.Relacionados:
  • O que faz um editor de vídeo
  • Quanto ganha um editor de vídeo

7. Web designer

Se você sabe trabalhar com softwares de edição de imagens, animação e programação, essa profissão pode ser uma excelente oportunidade para você. Web designers atuam na construção e manutenção da identidade visual de lojas, instituições e outros segmentos, por meio de sites, e-commerce e blogs.

8. Designer gráfico

Designers gráficos trabalham com a criatividade para desenvolver logotipos, marcas, embalagens, tudo que for relacionado à comunicação visual de produtos e serviços. O processo de trabalho é bem parecido com o de editores de vídeo e web designers e, portanto, propício para ser feito em casa ou remotamente.

9. Gestor de redes sociais

Essa é considerada uma profissão recente e diz respeito à pessoa responsável por realizar a manutenção das redes sociais da contratante, criando e publicando conteúdo para aumentar o engajamento.Gestores de redes sociais são também encarregados de fazer a primeira abordagem com os clientes, solucionar suas dúvidas e pedidos ou encaminhá-los ao pessoal responsável.

10. Desenvolvedor de softwares e aplicativos

Com o avanço tecnológico, a profissão de desenvolvedor de sistemas está em alta nos dias de hoje e, como todo o trabalho é feito pelo computador com o uso de ferramentas e frameworks, você não precisará comparecer ao escritório para desempenhar tais funções. Por esse motivo, é possível ver várias vagas relacionadas à profissão em caráter home office.

11. Analista de sistema

Profissionais desse segmento são responsáveis por entender as necessidades de TI da empresa contratante e apresentar soluções em sistemas que supram essas necessidades. Suas atividades envolvem desde o planejamento do projeto até a implementação.Entre suas diversas funções, podem ser responsáveis pelo desenvolvimento de softwares, pela administração de banco de dados, pela administração de redes e pelo suporte aos usuários dos sistemas implementados.Relacionado: Quanto ganha um analista de sistemas

12. Jornalista

Nos últimos anos, muitos jornalistas tiveram que reorganizar suas rotinas de trabalho e passaram a desempenhar suas atividades profissionais em regime home office, fazendo pesquisas, redigindo artigos e textos e, em alguns casos, gravando conteúdo em casa.

13. Infoprodutor

Diante da necessidade de economia de tempo das pessoas no deslocamento a escolas para aprender determinadas técnicas e profissões, infoprodutores criam conteúdos especializados e os hospedam em plataformas de cursos digitais, recebendo por venda realizada. A título de exemplo, estes são alguns dos conteúdos frequentes até o momento: culinária, artesanato, idiomas, confecção de produtos.

14. Gestor de tráfego

Realizam trabalhos estratégicos voltados para atração de clientes por meio de links publicitários ou informativos. Esses profissionais são responsáveis pelo direcionamento das pessoas até a página das empresas e lojas.

15. Tradutor

Área voltada a profissionais que têm conhecimento de um idioma estrangeiro e que podem atuar na tradução de textos e de materiais audiovisuais. Tradutores, que antes atuavam presencialmente em empresas e agências de tradução, cada vez mais estão desempenhando suas funções no sistema de home office também.Leia também: Quais são as 14 profissões mais procuradas
Compartilhar

Leia mais artigos

  • O que um caseiro faz
  • O que o RH consulta antes de contratar
  • 9 profissões menos procuradas no mercado
  • As áreas com mais empregos na Islândia para brasileiros
  • 15 profissões na área de TI
  • O que faz um produtor executivo (as principais atribuições do cargo)
  • O que faz um assistente administrativo financeiro?
  • O que faz um auxiliar de padaria
  • O que faz um garçom
  • 10 profissões na área da estética que estão em alta
  • 6 profissões offshore em alta no mercado
  • O que faz um ajudante geral