Conheça 12 profissões ligadas à arte

Atualizado em: 29 de janeiro de 2024

Se você tem criatividade, inspiração e aprecia a beleza, a arte pode ser a sua área de atuação profissional. Veja neste artigo algumas profissões ligadas à arte, e perceba quão importantes são para a expressão e a comunicação humana, capazes até mesmo de transformar realidades.A arte está em uma escultura, em uma música, na reforma de casas e escritórios, em uma foto inspiradora ou até mesmo em um jogo tão realista que parece verdade. Dentre estas e outras opções, você pode encontrar uma que goste mais e tenha afinidade.
Vagas relacionadas no Indeed
Vagas de meio período
Ver mais vagas no Indeed

Profissões ligadas à arte: semelhanças e diferenças

A arte é a expressão do que se passa dentro do ser humano com toda sua complexidade, sentimentos e posicionamentos. O conceito de arte e das diversas profissões relacionadas é mutável, assim como o é a sociedade, visto que a pessoa que trabalha nesse ramo pode atuar em todos os meios: digital, manual, artesanal, em pequenas empresas a grandes corporações e até de forma autônoma. Veja a seguir alguns exemplos, alguns clássicos e outros bem modernos, de profissões da área artística.

12 áreas e profissões ligadas à arte

Preparamos uma lista com breves descrições de áreas, profissões e seus detalhes. Quem sabe você encontre a que mais tem a ver com você.

1. Música

A música é uma das formas de artes mais presentes em nosso cotidiano, tem o poder de mover o emocional das pessoas, e por consequência, influenciar em sua vida. A música é um gigante universo. Você pode trabalhar com composição, com canto, instrumentos musicais e como DJ (disk jockey).Pode atuar também na parte de mixagem e masterização (a fim de garantir a qualidade do áudio), na produção, ensinando outras pessoas a tocarem seus instrumentos e também pode atuar com musicoterapia. Você consegue imaginar outras profissões em que possa viver de música? São inúmeras as opções.Relacionados:

2. Dança

A dança como forma artística requer conhecimento de certas técnicas de movimento, ritmo, respiração e equilíbrio. Há espaço para trabalhar em escolas de dança, academias, grupos particulares e faculdades. Cada profissional da área da dança desenvolve uma identidade artística que lhe dá possibilidades de crescimento nesse meio. Você pode fazer graduação e trabalhar seja com coreografia, interpretação ou criação de espetáculos. Através dos números de dança se expressam histórias, sentimentos e emoções únicas ao público.Leia mais: Como ser dançarina e como é o mercado de trabalho

3. Artes cênicas

Segundo o Ministério da Educação, artes cênicas são as que performam em palcos ou outros locais onde se apresenta para o público.Apresentações inspiradoras ou que promovem reflexões em forma de ópera, teatro, comédia e até mesmo televisão e cinema se enquadram nesse ramo. Quem optar por esse curso, pode também ministrar cursos para pessoas aprenderem sobre atuação e também produzir peças, programas de televisão e filmes. Geralmente, são pessoas comunicativas, e podem trabalhar em atuação, direção, dublagem, produção e crítica de cinema, televisão, teatro e toda forma de arte performática.

4. Artes plásticas

Profissionais da área plástica conseguem criar obras de arte do zero com diversos tipos de materiais e elementos. É uma das formas de arte manuais, artesanais, que demanda criatividade e sensibilidade de quem a produz, aplicando as tecnologias e tendências disponíveis. Quem trabalha com artes plásticas também atua em curadoria e diretoria de artes, em museus e centros de cultura. Além de objetos de decoração, móveis, utensílios domésticos e diversos objetos utilitários, há espaço para peças artísticas, algo cada vez mais valorizado na atualidade.Relacionados:

5. Conservação e restauro

Se você é amante dos detalhes históricos, de azulejos, balaústres, da arquitetura e cultura antiga, essa profissão ligada à arte antiga pode ser para você. O cuidado com cada pedaço da história é algo que requer vasto conhecimento interdisciplinar como: história, arquitetura, biologia e até mesmo química para poder restaurar e preservar a história em cada pormenor.Nesta área, você trabalhará com objetos históricos, prédios antigos, igrejas e monumentos. É uma profissão importantíssima para conservar patrimônios e preservar cada valioso detalhe da nossa história para as futuras gerações.

6. Arquitetura e urbanismo

Ao seguir carreira em arquitetura e urbanismo você trabalhar na iniciativa privada, em órgãos públicos ou de forma autônoma. Você poderá projetar grandes prédios corporativos, condomínios, moradias e realizar verdadeiras obras de arte urbanas. Inúmeros detalhes que vão precisar de sua atenção, como o projeto e a execução, a escolha de materiais, encanamento, elétrica, iluminação.Há até mesmo uma dúvida sobre os papéis da arquitetura e o design de interiores. A primeira é mais focada em construções, urbanização, obras e a segunda na parte de decoração interna de diversos locais já construídos ou reformados.Relacionado: O que um Arquiteto faz?

7. Design de interiores

A harmonia de um lar bem planejado e decorado com itens que revelam a personalidade de quem ali mora ou a inspiração trazida ao público em um estabelecimento bem decorado, com móveis e objetos dispostos de forma elegante e funcional são desenvolvidos pelo talento e destreza de designers de interiores.É um trabalho onde a criatividade e a inspiração são as maiores ferramentas. O designer ou a designer planeja todo o interior de um ambiente, como disposição de mobília, iluminação, objetos de decoração e revestimentos. São muitas as possibilidades desse nicho:
  • design do interior de casas
  • apartamentos, comércios, escritórios
  • restaurantes, locais para eventos, entre outros.
Esta profissão é para quem tem atenção aos detalhes e aprecia não só aprecia como consegue aliar a estética e a beleza à funcionalidade dos ambientes.Relacionado: O que faz o designer de interiores

8. Design de games

Os jogos digitais são cada vez mais realistas e envolventes e isso está intimamente ligado ao seu design futurista. A profissão une técnicas e tecnologias que fazem com que quem joga se sinta que está realmente inserido naquele ambiente. Criar jogos exige muita dedicação e tempo para sua criação e execução.Para adentrar na profissão, existe o curso em duas modalidades: graduação com bacharelado de duração de quatro anos e o tecnológico, com duração de dois anos. Quem trabalha com games cria e desenvolve todo o jogo para as diferentes plataformas: smartphone, tablet, computador e para o próprio videogame. A profissão de design de jogos tem um mercado promissor, inclusive financeiramente, uma vez que os games (de modalidades e variedades que nem podemos imaginar) estão no cotidiano da maioria das pessoas da sociedade atual.Relacionados:

9. Design digital ou web design

Em meio a tantos anúncios e propagandas, um trabalho criativo e bem feito na web, que considera as técnicas que aprimoram um perfil, elevam o nível de popularidade de qualquer comércio e tendem a trazer mais lucro para o negócio.O web design foca em desenvolver interfaces digitais, como layout de sites e aplicativos para a internet, para isso, usam linguagens web. A mais conhecida e mais básica é a HTML — linguagem de marcação de hipertexto. Você vai criar ambientes funcionais e chamativos, mas para a web.Relacionados:

10. Design gráfico

É um infinito de possibilidades, podendo trabalhar como designer digital e também de produtos físicos como toda a identidade visual de uma empresa, logomarca, panfletos, revistas, outdoor e papelaria. É o responsável pela escolha das fontes, cores e símbolos que representam aquela ideia. Além disso, também atua no desenvolvimento de produtos na parte das embalagens e finalização.Relacionado: O que um designer gráfico faz

11. Moda

O trabalho com moda é mais uma opção do universo da arte. As possibilidades vão desde a criação de modelos de roupas, calçados e acessórios ao gerenciamento de marcas, consultoria de imagem como personal style. Também, há a opção de repassar esses conhecimentos à nível acadêmico e formar mais profissionais capazes de inovar neste universo.Relacionado: Quanto ganha um designer de moda

12. Design têxtil

Criatividade e inovação caracterizam esse mercado. Estamparia, criação de novos tecidos sintéticos ou naturais, mescla de elementos como madeiras, algodão, resina. Quem trabalha com design têxtil estuda e dita as principais tendências do mundo da moda. Cria técnicas como ilustração, pintura, colagens, e proporciona assim estampas e tecidos únicos e pode atingir grandes redes lojistas, estilistas de renome e demais empresas do ramo.Agora que você já viu um pouco mais sobre algumas áreas/profissões ligas à arte, algumas delas lhe inspirou mais? Fez seu olho brilhar? Também, se você por acaso pensou: “não, não nasci com dom para a arte”, não desanime. Mais que apreciar a beleza e ter talentos natos para determinada área, esforço, capacitação e dedicação é o que dita o sucesso profissional atualmente. Existem diversos cursos técnicos, bacharelados e pós-graduações que dão toda a base para atuar no mercado de trabalho, que inclusive também na arte, está em constante mudança e inovação.Relacionado: Aviso legal: informamos que nenhuma das empresas, instituições ou organizações mencionadas neste artigo é afiliada ao Indeed.
Compartilhar:
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Facebook
  • E-mail
Esse artigo é útil?

Artigos relacionados

Como Preparar um Currículo Artístico

Leia mais artigos