O que faz um analista de suporte de TI (salário e competências)

Editado por

Atualizado em: 12 de março de 2024

Analistas de suporte de TI são profissionais responsáveis por garantir que toda a infraestrutura de tecnologia e informática empresarial funcione sem problemas, e quando algo dá errado, são as primeiras pessoas a serem contatadas para resolver. Compreender o que faz um analista de suporte de TI pode ajudar você a decidir se essa é a carreira certa para o seu futuro.Neste artigo, saiba mais sobre essa função, suas responsabilidades, competências, salário e perspectivas de emprego, além de algumas carreiras afins para você ter um olhar mais amplo de profissões relacionadas à área.
Vagas relacionadas no Indeed
Vagas de meio período
Ver mais vagas no Indeed

Qual é a função de analistas de suporte de TI?

Quem trabalha com suporte de TI tem um papel fundamental para qualquer organização que dependa da tecnologia da informação. São profissionais que se preocupam em garantir que todos os sistemas, redes e a infraestrutura de TI estejam funcionando corretamente e prestam o suporte necessário sempre que há erros. Abaixo, você encontra mais detalhes sobre as responsabilidades do cargo.

Gerenciamento de problemas e incidentes de TI

Um dos papéis principais de analistas de suporte de TI é gerenciar e resolver quaisquer problemas técnicos ou incidentes que prejudiquem a operação dos sistemas de TI de uma organização. Por exemplo, podem resolver uma falha no sistema de e-mail que impediria usuários de enviar ou receber mensagens, quedas na rede que interromperiam o acesso à internet ou remoção de vírus que tenha infectado os computadores da empresa.

Manutenção e atualização de sistemas

Analistas de suporte trabalham de forma preventiva para que os sistemas de TI de uma organização funcionem de forma adequada e segura. Por exemplo, são responsáveis por instalar atualizações de segurança para corrigir uma vulnerabilidade que pode ser explorada por hackers ou realizar backups regulares dos dados de uma instituição para proteger a rede de computadores contra perdas em caso de falha do sistema.

Suporte a usuários

Analistas de suporte de TI ajudam usuários a usar ferramentas de TI, resolvem problemas técnicos e oferecem orientações sobre como usar essas ferramentas de forma eficaz, seja por e-mail, por chamadas telefônicas ou de forma pessoal. Também podem ajudar usuários a implementar novos aplicativos ou recuperar dados perdidos, por exemplo.Relacionado: Como se tornar um profissional de TI

Onde analistas de suporte de TI trabalham?

O local de trabalho de analistas de suporte de TI pode variar, pois é uma profissão necessária em praticamente qualquer negócio ou nicho que use a tecnologia em suas operações diárias. Aqui estão alguns exemplos:
  • empresas de TI;
  • organizações do setor público;
  • empresas privadas de diferentes setores;
  • lojas de varejo;
  • bancos e instituições financeiras;
  • hospitais e clínicas;
  • instituições de ensino;
  • ONGs e organizações sem fins lucrativos.
Relacionado:

É difícil se tornar analista de suporte de TI?

Ser analista de suporte de TI exige certa qualificação. É comum que analistas de suporte de TI tenham algum tipo de graduação na área, como em Ciência da Computação, Engenharia da Computação, ou ainda cursos técnicos ou tecnólogos nesse campo. Além disso, experiências anteriores com suporte a clientes e resolução de problemas podem ser bastante valiosas.Relacionado: Qual é a diferença dos cursos de TI na graduação?

Competências para analistas de suporte de TI

Para trabalhar como analista de suporte de TI, você precisará desenvolver uma combinação de habilidades técnicas e comportamentais. Veja mais sobre essas competências abaixo.

Conhecimento técnico

Profissionais da área precisam ter uma compreensão sólida dos sistemas e redes de computadores, bem como conhecimento de softwares e hardwares específicos usados pela organização.

Capacidade de resolução de problemas

Resolver problemas e lidar com pessoas é uma grande parte do trabalho de analistas de suporte de TI. Portanto, ter uma mentalidade analítica, pensar de forma estratégica, ter organização e escuta empática podem fazer a diferença no seu dia a dia.

Excelentes habilidades de comunicação

Como a profissão estará constantemente em contato com outros membros da equipe e com usuários, inclusive ao atender clientes pelo telefone, é essencial ter excelentes habilidades de comunicação verbal e escrita. Isso inclui conseguir explicar conceitos técnicos de uma forma que o público leigo possa entender.

Habilidade de gerenciamento de tempo

Haverá momentos em que analistas de suporte de TI terão que se organizar em meio a várias tarefas ao mesmo tempo. Portanto, conseguir gerenciar o tempo de maneira eficiente é uma habilidade indispensável.

Salário médio e perspectivas de trabalho para analistas de suporte de TI

No Brasil, o salário médio de analistas de suporte de TI está na faixa compreendida entre R$ 2.000 a 3.000 mensais. No entanto, esse valor pode aumentar ou diminuir dependendo da experiência profissional, do nível de formação, do porte da empresa e da localização geográfica.Quanto às perspectivas de trabalho, a demanda por analistas de suporte de TI deve continuar forte, pois empregos na área de telecomunicações, relacionados à telefonia, banda larga e infraestrutura de redes, devem aumentar com as inovações tecnológicas recentes. Além disso, o mercado de trabalho de TI em geral apresenta um futuro promissor, o que pode significar um cenário positivo para diversos cargos na área, inclusive analistas de suporte.Leia mais: Qual é o salário de analista de TI no Brasil e como ganhar bem nessa área
Obtenha um feed de vagas personalizado no Indeed
Seja a primeira pessoa a ver novas vagas em sua área

Trabalhos semelhantes ao de analista de suporte de TI

Abaixo, você encontra alguns trabalhos semelhantes ao cargo de analista de suporte de TI.

1. Administração de redes e segurança

Salário médio nacional: R$ 4.000 a 7.000 mensais
Principais funções: assim como analistas de suporte de TI, quem administra redes tem como tarefa garantir o funcionamento adequado dos sistemas e da rede. Seu enfoque é mais voltado para o gerenciamento e a cibersegurança da rede.
Encontre vagas de administração de redes

2. Desenvolvimento de software

Salário médio nacional: R$ 5.000 a 12.000 mensais
Principais funções: desenvolvedores de software criam e implementam softwares, aplicativos e sistemas. Trabalham com uma variedade de linguagens de programação e tecnologias para atender às necessidades dos usuários e negócios.
Encontre vagas de desenvolvimento de software

3. Consultoria em tecnologia da informação (TI)

Salário médio nacional: R$ 5.000 a 13.000 mensais
Principais funções: profissionais da área ajudam empresas a criar e implementar planos de tecnologia. Também dão conselhos sobre como usar a TI para atender aos objetivos comerciais ou superar problemas.
Encontre vagas de consultoria em TIAs informações sobre médias salariais são extraídas de publicações nos sites indicados, com checagem na data de redação deste artigo. Os valores ficam sujeitos a variações de acordo com as características de cada vaga de trabalho.
Compartilhar:
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Facebook
  • E-mail
Esse artigo é útil?

Leia mais artigos