"Como você trabalha sob pressão?" - Como responder numa entrevista de emprego

Por Equipe editorial do Indeed

Atualizado em: 6 de maio de 2022 | Publicado em: 30 de novembro de 2021

Atualizado em: 6 de maio de 2022

Publicado em: 30 de novembro de 2021

A Equipe Editorial do Indeed é formada por um grupo diverso e talentoso de escritores, pesquisadores e especialistas que usam os dados e as informações do Indeed para oferecer dicas úteis que ajudam a guiar sua carreira.

Neste artigo, ajudaremos você a responder à pergunta “Como você lida com a pressão no trabalho?”. Acompanhe o artigo e saiba como se sair bem nessa pergunta tão usada pelos recrutadores.

Entrevista de emprego

tipos diferentes de entrevistas de emprego, mas, no geral, elas têm como intuito principal observar e avaliar o seu perfil comportamental e, por vezes, seu perfil técnico. Portanto, prepare-se para se sair bem nessa etapa e causar uma boa impressão no recrutador.

O preparo a que nos referimos implica que você se candidate à vaga de acordo com o seu perfil profissional e sua análise sobre a visão e cultura da empresa em concomitância com os seus valores, de forma que você possa entregar aquilo que os avaliadores esperam.

A pressão no trabalho

A pressão no trabalho é comum no ambiente corporativo e pode ser o resultado de uma série de fatores, como prazos apertados e metas cada vez mais altas. Algumas profissões exigem mais de você do que outras e, por isso, é importante saber o nível de pressão da vaga para saber se conseguirá lidar com ela.

Outro fator importante é ter autoconhecimento, de modo a saber se a pressão no ambiente do trabalho é algo com que você lida bem ou não, e qual é a sua reação frente ao estresse no trabalho.

Assim, propomos que você faça uma autoanálise e tenha clareza em relação a esse assunto.

Como você lida com a pressão no trabalho?

Veja abaixo algumas possíveis formas de reação diante da pressão no trabalho:

  • Algumas pessoas lidam muito bem com a pressão no trabalho, pois isso lhes fornece um senso inicial de desafio e, ao seu término, uma sensação de realização.

  • Outras pessoas não conseguem lidar com a pressão no trabalho, sobretudo se o nível de pressão for algo acima do normal e contínuo. Nessas situações, elas podem entrar em pânico, cometer erros e falhas e ser levadas à demissão.

  • Há também outro grupo que lida com a pressão de forma positiva, mudando a perspectiva, as estratégias e prioridades de trabalho de modo a cumprir os prazos e metas estabelecidos.

Assim, ao identificar como você lida com a pressão no trabalho, reflita sobre isso e considere que essa pergunta pode ser feita durante uma entrevista de emprego.

Nossa primeira sugestão é usar a sinceridade, até mesmo para que não venha a se contradizer em momento posterior ao da entrevista ou em outra etapa do processo seletivo.

Além da veracidade na resposta, também sugerimos que a resposta seja dada de forma concisa e direta, para que os recrutadores tenham a percepção clara de sua resposta e percebam que não houve rodeios ou distorções dos fatos.

Como responder à pergunta em uma entrevista?

De forma superficial, explicamos acima que a função dos recrutadores é a de identificar e avaliar características comportamentais e técnicas nos candidatos. Porém, não são apenas esses dois itens avaliados, pois eles analisam, acima de tudo, as competências dos candidatos.

Os recrutadores chamam essas competências de CHA, em referência às palavras abaixo:

  • C – conhecimentos – os recrutadores analisam o conjunto de conhecimentos específicos, tanto técnicos como particulares, aprendidos por você ao longo da sua vida e que podem ser utilizados na vaga pretendida.

  • H – habilidades – neste caso, as habilidades são as formas como você usa seus conhecimentos na execução de sua função profissional.

  • A – atitudes – esta competência está relacionada basicamente à ação, ou seja, ao ato de usar seus conhecimentos e habilidades no seu cargo e função.

Para que você obtenha maior êxito, elabore sua resposta na seguinte sequência:

  • Situação;

  • Ação;

  • Resultado.

Pegue apenas os resultados positivos. Você pode escolher mais de um, caso os recrutadores solicitem mais situações. Procure, dentro de sua resposta, mostrar a sequência dos fatos e, de forma neutra, sem exageros, mostrar alguns atributos profissionais e comportamentais para que os recrutadores percebam que você compreendeu a pergunta, foi além e entregou o que era necessário.

Em sua resposta, aponte os seguintes atributos:

  • Organização;

  • Poder de autorreflexão e de autopercepção dos fatos;

  • Flexibilidade, interpessoal no trato com as pessoas da equipe e superiores;

  • Planejamento para cumprir com os resultados;

  • Reflexão dos resultados.

Sob esse último item, aponte o que você faria de diferente numa próxima situação ou quais foram os benefícios e experiências que você ganhou nessa ocasião. Não descreva a situação de forma vaga. Ela precisa ser completa, mesmo que de forma concisa. Descreva toda a situação em primeira pessoa, usando os pronomes pessoais “eu”, e, se o caso envolver outros colegas da equipe, use o pronome “nós”, pois assim você também demonstra sua capacidade de reconhecer a importância das demais pessoas de sua equipe, não apenas atribuindo os fatos a você. Além disso, por meio de sua resposta, os recrutadores perceberão a sua relação interpessoal.

Simulação de resposta

Veja abaixo um exemplo de resposta para a pergunta sobre como lidar com a pressão no trabalho:

Meu trabalho anterior foi em uma empresa de cosméticos, onde eu trabalhava como supervisor da equipe de produção. Em determinados momentos do ano, eu e as outras pessoas da equipe sabíamos que a demanda costumava aumentar, e que teríamos que produzir em escala um pouco maior de modo a atender a demanda de nossos clientes. Em alguns períodos, foi bastante complicado lidar com a pressão, e o índice de renovação de funcionários era grande e gerava contratempos, pois tínhamos que treiná-los e tudo mais.

Alguns ciclos se passaram e, junto aos nossos superiores, decidimos traçar algumas diretrizes de forma a prevenir desgastes e contratempos em temporadas com alta demanda. Então, planejamos e nos organizamos de forma a atender as necessidades dos clientes. Para isso, foi necessário flexibilidade de horário e turnos e até mesmo a priorização da produção de um produto e não de outro. Adotamos a contratação temporária e o remanejamento de pessoal durante esta fase. O resultado foi que, a partir de então, conseguimos lidar com as demandas sem causar desgastes, estresse e alto índice de turnover na fábrica. Pelo contrário, era em temporadas como essas que os colaboradores viam a chance de ter rendimento maior. A reflexão que faço com essa experiência é que, por meio dela, pude aprender que há formas de contornar a pressão no trabalho por meio da análise, trabalho em conjunto, planejamento, flexibilidade e ação.

De fato, lidar com a pressão no trabalho não é tarefa fácil, mas, como você pode ver, tudo depende da perspectiva, pois é possível geri-la ou até mesmo contorná-la com base na situação, e agir para obter resultados mais satisfatórios. Logo, esperamos que, a partir de agora, a pergunta “Como você lida com a pressão no trabalho?” não seja mais um empecilho para que você se saia bem na próxima entrevista de emprego que participar.

Artigos relacionados

Сomo responder à pergunta “Por que devemos te contratar?”

Leia mais artigos