Entrevistando

Perguntas para fazer em uma entrevista

A sua entrevista para um novo trabalho, além de permitir ao recrutador saber mais sobre você para além do currículo, é também uma excelente oportunidade para descobrir mais sobre a vaga em questão. As entrevistas de emprego deixaram de ser momentos unilaterais de pergunta e resposta para se tornar a primeira oportunidade de estabelecer um diálogo e perceber se você se vê trabalhando naquele ambiente.

Com nossas dicas, você terá uma boa lista de perguntas para fazer na entrevista.

O que você deve saber sobre perguntas para fazer em uma entrevista

É comum o recrutador indagar, especialmente no final da entrevista, se você tem alguma questão. Essa é uma excelente oportunidade para abrir o diálogo sobre a sua potencial posição e saber mais sobre a equipe que vai integrar, a cultura da empresa e quais as suas responsabilidades. É também uma forma de mostrar ao recrutador que você tem curiosidade e vontade de ir além do que é esperado.

Lembre-se que, por vezes, alguns dos tópicos já foram cobertos durante a entrevista ou na oferta de trabalho. Ter uma lista de perguntas a fazer em uma entrevista lhe ajudará a ver que pontos não foram discutidos e que você acha importantes. Fazer as perguntas certas também permitirá que você se destaque de outros candidatos.

1. Pode me dar uma visão geral de como seria o meu dia a dia nessa função?

Se o seu entrevistador não for claro sobre o desempenho das suas tarefas, não espere até ao fim da entrevista para fazer essa pergunta. De forma natural, essa questão pode ser colocada quando o recrutador estiver explicando as tarefas que estão associadas à sua função.

Pedir ao recrutador que lhe dê uma visão geral de um dia de trabalho típico lhe permite:

  • Aferir se você tem autonomia para fazer o seu próprio planejamento ou se tem que seguir um plano já instituído;
  • Perceber o grau de organização da empresa e, se você identificar pontos de melhoria, de que forma suas habilidades serão vantajosas;
  • Perceber se as suas tarefas são estruturadas e estão ligadas às suas habilidades profissionais.

2. De que forma eu poderia contribuir para o sucesso global nos meus primeiros 90 dias na empresa?

Perguntar de forma simples e direta sobre como você poderia contribuir para o sucesso da empresa nos seus primeiros 90 dias demonstra:

  • Comprometimento desde o início não só com fazer um bom trabalho, mas contribuir para os objetivos da empresa;
  • Espírito de equipe e dedicação desde o início;
  • Capacidade de liderança e de se motivar a si mesmo e aos outros.

Por vezes, você se está candidatando a uma função que já indica de forma clara o que é esperado de você nos primeiros três meses. Seja porque é um projeto de curta duração ou porque a empresa está enfrentando desafios, deve ficar claro o motivo de estarem procurando alguém que os ajude a atingir as metas.

Se for esse o caso, recorra a uma das suas experiências anteriores que melhor demonstram as suas habilidades e crie a sua própria variação dessa pergunta. Por exemplo: se na empresa onde você trabalhou antes você ficou com a responsabilidade de automatizar um processo que aumentou a produtividade da sua equipe, pergunte se seria possível fazer algo semelhante nesta nova função.

3. Que oportunidades de treinamento existem na empresa?

O gosto pela aprendizagem contínua é uma das habilidades transversais mais valorizadas pelas empresas valorizam e que sempre tem o potencial de trazer benefícios para você como trabalhador. Aprender ou melhorar suas competências é uma forma de se enriquecer e de enriquecer os recursos humanos das empresas.

Perguntar ao seu entrevistador quais são as oportunidades de treinamento que existem na empresa permitem que:

  • Você perceba se a empresa valoriza a aprendizagem e a valorização constante dos seus colaboradores;
  • Caso já existam várias oportunidades de treinamento na empresa, você avalie se elas são importantes para o seu crescimento;
  • Se você identificar uma oportunidade de melhoria, você se destaque de outros candidatos mencionando algum curso ou especialização que possam ser relevantes, mas que não tenha mencionado no currículo.

4. O que pode me dizer sobre os pontos fortes e as necessidades de melhoria da minha equipe?

Entrar para uma equipe que já está formada ou para um departamento que já está estabelecido na empresa é como começar uma maratona pela metade. Por um lado, você tem a perspectiva de fora para dentro, de quem tem ideias novas de como melhorar processos. Por outro lado, você não deve ignorar os seus colegas de equipe que têm mais conhecimento e que estão na “corrida” há mais tempo. Ambos vão rumo à mesma meta, mas com ritmos e percursos diferentes.

Uma das formas de você avaliar que papel terá na sua futura equipe ou departamento é perguntar ao recrutador quais são os pontos fortes e as necessidades de melhoria. Isso permite, de partida, duas coisas:

  • Conhecer a sua equipe antes de fazer parte dela e planejar a sua integração.
  • Avaliar de que forma pode usar as suas habilidades profissionais para colaborar de forma eficaz com os seus colegas, para que eles lhe vejam como alguém que acrescenta valor e não uma ameaça à estabilidade existente.

5. Com que outras equipes ou departamentos eu trabalharia com frequência?

Perguntar ao seu recrutador se há outras equipes ou departamentos com que você trabalhará com frequência vai lhe permitir uma visão geral de como a empresa está organizada. A colaboração entre equipes e departamentos é fundamental para que a empresa seja eficaz na conquista dos seus objetivos. Para você, como parte da empresa, é também importante conhecer aqueles com quem vai cooperar e começar a planejar a sua estratégia.

Por outro lado, se a sua função na empresa é nova e o recrutador ainda não sabe responder à sua pergunta, veja isso como uma oportunidade de estabelecer as regras e os processos para o futuro.

6. Qual a sua tradição favorita dentro da empresa?

Perguntar ao entrevistador qual é a tradição favorita dele dentro da empresa é uma forma descontraída, mas profissional, de você avaliar a cultura do seu futuro local de trabalho.

As equipes festejam os sucessos em conjunto de alguma forma especial? Há uma pequena festa e bolo para celebrar aniversários? No final de uma semana de trabalho, o seu departamento se junta num happy hour num local próximo do escritório? Mesmo em trabalho remoto, a sua equipe faz pausas no trabalho para descontrair em conjunto por videocâmera?

Não veja essa pergunta como tendo apenas uma resposta, certa ou errada. É apenas mais um dos muitos fatores que vão permitir decidir se você quer ou não fazer parte dessa empresa.

7. Qual foi o último evento de teambuilding de que você participou?

Se você não se sentir confortável em perguntar ao seu entrevistador qual a tradição favorita dele no escritório, opte por fazer uma pergunta mais abrangente e menos pessoal. Pergunte antes qual foi o último evento de teambuilding de que o seu recrutador participou, por exemplo. Se preferir ser ainda menos pessoal e mais abrangente, pergunte antes qual o último evento de teambuilding que a empresa organizou.

Com essa pergunta você quer, por um lado, perceber se a empresa se esforça por motivar os seus trabalhadores e de que forma o faz. Por outro, isso lhe permite criar empatia com o seu entrevistador, encontrando pontos em comum ou mostrando entusiasmo pelo tipo de evento que a empresa organiza.

8. Qual o objetivo global em que as equipes estão mais focadas nesse momento?

Dependendo da abertura que o recrutador tem para falar de informação mais ou menos confidencial da empresa, pergunte qual o objetivo global em que as equipes estão mais focadas naquele momento. É uma forma de demonstrar interesse pelo sucesso da empresa, vontade de colaborar desde o início e interesse em conhecer o impacto do seu desempenho no atingimento dos objetivos.

Quando o entrevistador lhe responder, mesmo que não possa revelar todos os objetivos da empresa, você fica a par pelo menos de um dos objetivos que vai contar para sua avaliação de desempenho. Isso permite que você comece a preparar os traços gerais do seu plano de ação caso seja consiga a contratação.

9. Eu poderia representar a empresa numa conferência na sua área de negócio?

As empresas esperam que você vista a camisa dentro e fora do seu local de trabalho. Isso revela que seus valores estão alinhados com os dela, que você está focado e se preocupa em atingir os objetivos globais, e que você mostra total comprometimento com os seus chefes e a sua equipe ou departamento.

Perguntar para seu entrevistador se você poderia representar a empresa numa conferência relevante para a sua área de negócio é uma forma de você mostrar disponibilidade e comprometimento. Ademais, é uma forma de você perceber se a empresa valoriza esse tipo de contribuição e se você teria a oportunidade de usar outras habilidades profissionais para além do desempenho das suas funções.

10. Quais são os próximos passos neste processo de recrutamento?

Por vezes, o entrevistador já cobriu todas as informações que você precisava para tomar uma decisão sobre a sua futura empresa ou trabalho. Ou então essa é a sua primeira entrevista de trabalho ou o seu primeiro emprego e você precisa apenas começar, não necessariamente saber todos os detalhes sobre a função.

Seja qual for a sua situação, tente terminar a entrevista perguntando quais são os próximos passos no processo de recrutamento. Isso permite gerir suas expectativas e organizar seu tempo, planejando se necessário a sua candidatura a outras oportunidades de trabalho.

Relacionados

Ver mais 

Qual é a melhor roupa para usar numa entrevista de emprego?

Decidir a roupa para entrevista de emprego pode ser difícil. Confira dicas para saber o que usar nesta etapa do processo seletivo e causar uma boa impressão.

Tipos de entrevista mais usados

Para ter sucesso em uma entrevista é preciso estar preparado para as perguntas e saber qual modelo de entrevista você vai realizar. Conheça os principais.